Meteorologia

  • 27 JANEIRO 2020
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

União das Misericórdias reconduz presidente para novo mandato

O presidente do Secretariado Nacional da União das Misericórdias Portuguesas (UMP), Manuel de Lemos, vai ser reconduzido no cargo no sábado, em eleições a realizar em Fátima e às quais apenas se apresenta uma lista candidata.

União das Misericórdias reconduz presidente para novo mandato
Notícias ao Minuto

09:52 - 06/12/19 por Lusa

País União das Misericórdias

Silva Peneda, na presidência da Mesa da Assembleia Geral, e Francisco Araújo, à frente do Conselho Nacional, são outros dois nomes que se mantêm, apenas se registando uma mudança na presidência do Conselho Fiscal, entrando António Tavares para o lugar até agora ocupado por Licínio Pina.

Esta candidatura de Manuel de Lemos acontece depois de, em outubro, os secretariados regionais das Misericórdias Portuguesas se terem mobilizado para que o atual presidente da UMP cumprisse um novo mandato de quatro anos no cargo.

"Se às Santa Casas de Misericórdia cabe o cumprimento das 14 obras de Misericórdia, à União das Misericórdias Portuguesas (UMP) e, em particular ao Secretariado Nacional, cabe o papel de as representar, defender e consolidar o que foi alcançado ao longo dos tempos. Na UMP, para os sucessos obtidos, temos contado com a liderança, assente na determinação, experiência e espírito de missão do seu presidente", escreveram os líderes dos secretariados regionais num manifesto de apoio a Manuel de Lemos.

Os secretariados regionais consideraram, também, que o empenho do atual presidente do Secretariado Nacional "é imprescindível ao movimento das Misericórdias e ao reforço do contributo da economia social para o desenvolvimento do país", sublinhando que Manuel de Lemos foi recentemente reeleito Presidente Mundial das Misericórdias -- Confederação Internacional das Misericórdias.

Segundo o jornal Voz das Misericórdias, órgão oficial da UMP, o manifesto sublinhava serem muitos "os desafios que importa ultrapassar [pela UMP], seja na consolidação das relações com o Estado, seja resolvendo os desafios de sustentabilidade" das Santas Casas.

No seu programa eleitoral, Manuel de Lemos assegurou que a principal preocupação da UMP vai continuar a ser a "sustentabilidade das misericórdias, em termos de comparticipações justas para as diversas respostas sociais disponibilizadas à população".

Segundo uma nota de Manuel de Lemos citada pela agência Ecclesia, embora tenha havido este ano "uma atualização de 3,5% nas comparticipações, a mesma não assegura a sustentabilidade das misericórdias, que se debatem ainda com problemas para garantir de forma equilibrada e sustentada a sua missão junto da população, bem como para criar condições que permitam a melhoria das condições de trabalho e a formação contínua dos seus colaboradores".

A cooperação do setor social com entidades públicas e privadas, de ensino e investigação deve "continuar a ser fomentada, a par da sensibilização do Governo para a urgência da adoção de medidas públicas e respostas sociais que alterem o paradigma de apoio e intervenção social e que mudem de forma eficiente as políticas públicas para o envelhecimento, segurança social e saúde", defende Manuel Lemos na mesma nota.

Manuel de Lemos é presidente do Secretariado Nacional da UMP desde janeiro de 2007 e os seus mandatos estão marcados pela criação da Unidade de Cuidados Continuados Bento XVI (Fátima) e Centro Luís da Silva (Borba), pela assinatura do decreto interpretativo com a Conferência Episcopal, pela participação das Misericórdias na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados e pela devolução de hospitais às Misericórdias.

Em Portugal existem 388 Misericórdias ativas, que apoiam diariamente cerca de 165 mil pessoas em todo o país.

As eleições para os órgãos sociais da UMP realizam-se a partir das 09:00 de sábado no Centro de Apoio a Deficientes João Paulo II, em Fátima.

A tomada de posse está marcada para as 14:30, no mesmo local, em cerimónia para a qual é esperada a presença da ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório