Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

Rede desmantelada. Fingiam cobrar faturas e contar contadores em Lisboa

A rede foi desmantelada pela GNR e foram detidos oito homens e cinco mulheres.

Rede desmantelada. Fingiam cobrar faturas e contar contadores em Lisboa

A Guarda Nacional Republicana desmantelou-se nesta segunda-feira uma rede criminosa em Sintra, suspeita de 58 furtos em residências.

A força de segurança deteve oito homens e cinco mulheres, com idades compreendidas entre os 25 e os 56 anos. Os suspeitos dedicavam-se a burlas e a furtos qualificados, especialmente no interior de residências, estando indiciados em 58 furtos, praticados na área da grande Lisboa.

Já quanto ao 'modus operandi', detalha o comunicado enviado às redações, este consistia em "abordar residências, preferencialmente moradias, subtraindo todo o material que nelas estivesse contido, com vista à sua venda e consequente ganho económico, com incidência no furto de ouro, dinheiro e eletrodomésticos".

Refira-se ainda que em alguns dos furtos, os suspeitos abordavam residências com idosos e para conseguirem entrar faziam-se passar por funcionários de entidades, alegando faturas por pagar e contagem de contadores. Conseguiam assim acabar por levar objetos, nomeadamente ouro.

Este foi o culminar de uma investigação que durou cerca de oito meses e que visava a prática do crime de associação criminosa, furto qualificado e burla. Ao todo, foram realizadas 42 buscas em Lisboa, Sintra, Torres Vedras, Odivelas, Caneças, Loures e Vialonga, das quais 24 domiciliárias, 11 a veículos, seis em estabelecimentos comerciais e uma no Estabelecimento Prisional de Vale de Judeus.

No total foram apreendidos 11 veículos ligeiros, alguns de gama alta, 198 artigos em ouro, designadamente brincos, fios, pulseiras, anéis e medalhas (cerca de quatro quilos, com um valor estimado de 130 mil euros), diversos eletrodomésticos, designadamente aspiradores, ferros de engomar, forno elétrico, placa vitrocerâmica, máquina de café, entre outros, 10 televisões LCD, 25 telemóveis, 28 relógios de pulso, diverso material informático, nomeadamente 10 tablets, dois computadores, três colunas de som e um monitor, oito dispositivos de videojogos, cinco hoverboards, duas malas de senhora, no valor de 500 euros, uma coleção de moedas, 48 doses de haxixe, oito doses de cocaína e mais de 5 mil euros em numerário.

Os detidos têm antecedentes criminais relacionados com a prática do mesmo tipo de crime, e serão presentes esta quarta-feira ao Tribunal da Comarca de Lisboa Oeste - Sintra.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório