Venezuela: ONU insta Governo e oposição a reduzirem polarização

O secretário-geral da ONU, o português António Guterres, manifestou na quinta-feira preocupação pela situação na Venezuela e apelou ao Governo do Presidente Nicolás Maduro e à oposição que iniciem um diálogo construtivo e reduzam a polarização.

© Reuters
Mundo António Guterres

"A ONU instou hoje o Governo e a oposição da Venezuela a esforçarem-se para reduzirem as tensões prevalecentes e evitarem mais confrontos", explica um comunicado publicado em castelhano na página de Internet daquele organismo.

PUB

No documento o porta-voz de António Guterres, Stephan Dujarric, explica que a ONU está preocupada com os últimos acontecimentos naquele país da América do Sul.

"Apelamos ao Governo da Venezuela e à oposição que se comprometam sinceramente com a reativação dos esforços para um diálogo, sobretudo sobre assuntos críticos que já tinham integrado a agenda, como o equilíbrio entre os diferentes poderes do Estado, o calendário eleitoral, os direitos humanos, a verdade e a justiça, e a situação socioeconómica", explica.

Segundo o comunicado, "a ONU instou todas as partes a tomarem medidas concretas que beneficiem o povo venezuelano, reduzindo a polarização e criando as condições necessárias para abordar os desafios que o país enfrenta".

Os protestos contra o Governo do Presidente Nicolás Maduro intensificaram-se há três semanas, após a divulgação de duas sentenças em que o Supremo Tribunal de Justiça concede poderes especiais ao chefe de Estado, limita a imunidade parlamentar e assume as funções do parlamento.

Desde então nove pessoas foram assassinadas, dezenas ficaram feridas e centenas foram detidas pelas autoridades venezuelanas, durante as manifestações, que têm sido fortemente reprimidas pela Guarda Nacional Bolivariana (polícia militar) e pela Polícia Nacional Bolivariana.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser