Meteorologia

  • 17 JULHO 2024
Tempo
29º
MIN 16º MÁX 29º

"É uma tortura". Mãe partilha como é estar sozinha em casa com os filhos

Com o início das férias escolares, vêm aí 'problemas' para os pais.

"É uma tortura". Mãe partilha como é estar sozinha em casa com os filhos
Notícias ao Minuto

13:10 - 25/06/24 por Notícias ao Minuto

Mundo TikTok

As redes sociais são muitas vezes plataformas onde muitos gostam de mostrar o seu dia a dia, transmitindo por vezes mensagens que são idílicas. Há porém, raras vezes, que se aproveita esta mesma plataforma para mostrar a vida tal como ela é.

Foi o caso de uma influencer espanhola, mãe de três filhos, que decidiu partilhar como é estar um dia sozinha com os filhos.

"É uma tortura. É o primeiro dia sem aulas e são apenas 9h da manhã", afirma Helena Fernández num vídeo partilhado na sua conta de TikTok, acrescentando ainda: "Estou desesperada e digo-o com maiúsculas".

Esta não é a primeira vez que a influencer faz uma partilha do género, tendo já anteriormente falado sobre esgotamento, falta de tempo para si e sobre os desafios emocionais de tentar conciliar a sua vida enquanto mãe com a sua vida privada.

"O meu marido acabou de ir trabalhar e eu disse-lhe: 'Não aguento mais', chorei na cama, eles estão sempre a discutir, não há ninguém para os entreter, só se sabem entreter com consolas ou tablets e eu não quero dar-lhes isso às oito e meia da manhã", faz saber, acrescentando que ainda é muito cedo para sair de casa com eles, mas que ao mesmo tempo tem muita lides domésticas para fazer e que não consegue executar nenhum dos seus planos. 

@mami.de_tres Pues nada primer dia sin colegio . Nos quedan por delante 72 dias juntos 24/7 los 4 . Porque mi marido trabaja hasta el ultimo dia de julio #mamadetres #primerdia #seacaboelcolegio #sermama #vacacionesdeverano #maternidadreal #sermana #mamade3 #amadecasa sonido original - Mami de tres helena

Helena culmina lembrando que ainda tem pela frente mais 72 dias de férias pela frente.

O vídeo tornou-se viral e nos comentários muitos foram rápidos a apresentar soluções. "E se os incumbisse de fazer as tarefas domésticas que tem para fazer?"

"Como a entendo. Tenho dois filhos, de 2 e 4 anos, e na rua tudo corre bem, mas em casa... Em casa é uma tortura, todo o dia à briga", partilha outra.

Leia Também: Licenças de maternidade e não só. FIFA 'revoluciona' o futebol feminino

Recomendados para si

;
Campo obrigatório