Meteorologia

  • 27 MAIO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 22º

Dois homens acusados no Reino Unido de espionagem para a China

Dois homens, incluindo um que terá sido assessor parlamentar, foram acusados de espionagem a favor da China, comunicou hoje a polícia britânica.

Dois homens acusados no Reino Unido de espionagem para a China
Notícias ao Minuto

14:45 - 22/04/24 por Lusa

Mundo China

A Polícia Metropolitana de Londres adiantou que Christopher Berry, 32 anos, e Christopher Cash, 29 anos, foram acusados de fornecer informações prejudiciais a um Estado estrangeiro, a China, devendo comparecer no Tribunal de Magistrados de Westminster na sexta-feira.

A polícia alega que os dois homens recolheram, gravaram ou comunicaram informações "prejudiciais à segurança ou aos interesses do Estado" e violaram a Lei de Segredos Oficiais entre o final de 2021 e fevereiro de 2023.

"Esta tem sido uma investigação extremamente complexa sobre alegações muito sérias", admitiu o chefe do comando de contraterrorismo da Polícia Metropolitana, Dominic Murphy.

O jornal Sunday Times noticiou no ano passado que Cash tinha sido detido por espionagem para Pequim. 

Cash terá sido um assessor parlamentar de deputados do Partido Conservador, no poder, incluindo Alicia Kearns, que agora dirige a comissão parlamentar dos Negócios Estrangeiros, e o antecessor nessa função, Tom Tugendhat, que é agora secretário de Estado da Segurança.

Segundo o jornal, o suspeito possuía um passe que permitia o acesso total aos edifícios do Parlamento, concedido aos deputados, funcionários e jornalistas após um controlo de segurança.

No ano passado, o primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, afirmou que tinha levantado a questão junto do primeiro-ministro chinês, Li Qiang, afirmando que tinha "preocupações muito fortes" sobre a interferência na democracia britânica.

Na altura, a Embaixada da China emitiu um comunicado em que classificava as alegações de falsas.

Hoje também, três pessoas foram detidas na Alemanha por suspeita de espionagem a favor da China e de terem organizado a transferência de informações sobre tecnologia com potenciais utilizações militares.

Leia Também: Benfica com recado em Faro: "Identidade não se compra com milhões"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório