Meteorologia

  • 13 ABRIL 2024
Tempo
27º
MIN 16º MÁX 29º

Apoiantes de Navalny já se reúnem no local da despedida. Eis as imagens

O funeral do principal opositor do regime russo terá início pelas 14h00 locais (11h00 em Lisboa).

Após inúmeros incidentes relacionados com a entrega do corpo de Alexei Navalny à família, esta sexta-feira realizam-se finalmente as cerimónias fúnebres do opositor russo, morto no passado dia 16 de fevereiro na prisão, em Moscovo, na Rússia.

Várias dezenas de pessoas já se reúnem no exterior da igreja, a aguardar a chegada do corpo de Navalny para o último adeus - conforme pode ver na galeria de imagens acima.

A porta-voz de Navalny revelou, entretanto, que o corpo "ainda não foi libertado" para a realização das cerimónias fúnebres.

"Os familiares chegaram à morgue às 10h00, altura em que era suposto receberem o corpo de Alexei. O corpo ainda não foi libertado. O cronograma ainda não mudou, mas pode haver atrasos", escreveu a porta-voz Kira Yarmysh numa publicação na rede social X (antigo Twitter).

Na quinta-feira, já havia preparativos para o funeral do opositor russo, já estando a ser descarregadas cercas em metal junto à igreja da Mãe de Deus, no distrito de Maryino, o que pressupõe que o momento será dotado de uma forte segurança. 

A equipa de Navalny anunciou que os serviços funerários se recusaram a levar o seu corpo da morgue para a igreja. Os agentes funerários "receberam contactos de desconhecidos, ameaçando-os para que não levassem o corpo de Alexei para lugar nenhum".

As exéquias do principal opositor do regime russo terão início pelas 14h00 locais (11h00 em Lisboa). Depois, o corpo seguirá para o cemitério de Borisovskoye.

Recorde-se que Alexei Navalny morreu a 16 de fevereiro na prisão do Ártico para onde tinha sido transferido em dezembro de forma a cumprir a pena de 19 anos de reclusão a que tinha sido condenado.

As autoridades russas atribuíram a sua morte a "causas naturais", mas a equipa da figura de proa da oposição russa culpa o governo e, em particular, o presidente russo, Vladimir Putin.

O corpo de Navalny foi devolvido à sua mãe no sábado, depois de ter ficado retido mais de uma semana pelas autoridades russas.

Leia Também: Funeral de Navalny realiza-se hoje após incidentes com entrega do corpo  

Recomendados para si

;
Campo obrigatório