Meteorologia

  • 17 JULHO 2024
Tempo
26º
MIN 16º MÁX 29º

Conheça os trigémeos prematuros e com peso combinado mais leve de sempre

Rubi-Rose nasceu primeiro às 22h21 com apenas 467 gramas, enquanto Payton Jane e Porscha-Mae nasceram quase duas horas mais tarde às 00h01 e 00h02, respetivamente, por cesarianas. Pesavam apenas 402 gramas e 415 gramas cada um.

Conheça os trigémeos prematuros e com peso combinado mais leve de sempre
Notícias ao Minuto

23:57 - 27/03/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Guinness World Records

Rubi-Rose, Payton Jane e Porscha-Mae Hopkins, os trigémeos de Bristol, Inglaterra, nascidos a 14 de Fevereiro de 2021, estabeleceram dois recordes mundiais do Guinness World Records.

Os trigémeos nascidos com 22 semanas e um peso total de 1,284 gramas são os trigémeos com o peso mais leve de que há registo e são os mais prematuros de sempre.

Rubi-Rose nasceu primeiro às 22h21 com apenas 467 gramas, enquanto Payton Jane e Porscha-Mae nasceram quase duas horas mais tarde às 00h01 e 00h02, respetivamente, por cesarianas. Pesavam apenas 402 gramas e 415 gramas cada um.

A sua mãe de 32 anos, Michaela White, referiu, num vídeo do Guinness World Records, que os dois anos desde o nascimento têm sido "stressantes" para ela e para o parceiro Jason Hopkins, de 36 anos.

"Toda a jornada entre descobrir que tinha trigémeos e depois de trigémeos estarem realmente aqui foi, penso eu, a gravidez mais rápida que alguma vez conheci. Foi uma loucura", destacou Jason.

Michaela contou que "o dia do nascimento foi bastante traumático" depois de ter sido transferida do Hospital St Michael's em Bristol para Southmead, onde entrou em trabalho de parto.

"Eu não vi nenhum dos [trigémeos] quando nasceram", recordou, explicando que os três bebés foram rapidamente para incubadoras e embrulhados em polietileno para estarem num ambiente como o útero da mãe e regularem a sua temperatura corporal.

As primeiras 72 horas de vida dos bebés foram as mais críticas, sendo cada um deles obrigado a respirar independentemente durante 10 segundos antes de os médicos poderem intervir com oxigénio.

Cada criança foi levada para a unidade de cuidados intensivos neonatais (UCIN) e aí permaneceram durante 216 dias.

"A viagem da UCIN por si só, qualquer pai que tenha passado por ela, quer tenham sido dois dias ou, como nós, 216 dias, é uma das viagens mais difíceis por que vai passar", esclareceu Jason.

Além disso, os trigémeos nasceram com paralisia cerebral e cuidar de crianças deficientes é "muito, muito difícil", acrescentou,

Rubi-Rose tem uma forma ligeira da doença enquanto Payton Jane e Porscha-Mae têm problemas de mobilidade e são alimentados por tubos.

"Pode ser um verdadeiro desafio para qualquer pessoa, mas eu e o meu parceiro, Jay, apenas trabalhamos para eles e fazemos o que é preciso", completou.

Leia Também: Guimarães. Bebé Lucas apressou-se e nasceu em casa com ajuda de bombeiros

Recomendados para si

;
Campo obrigatório