Meteorologia

  • 22 JULHO 2024
Tempo
33º
MIN 18º MÁX 37º

Pelo menos cinco pessoas morreram após naufrágio na costa da Tunísia

Pelo menos cinco pessoas morreram e outras 28 foram dadas como desaparecidas após o naufrágio de um barco com 38 migrantes subsaarianos na costa da Tunísia, divulgou hoje uma organização não-governamental (ONG) tunisina.

Pelo menos cinco pessoas morreram após naufrágio na costa da Tunísia
Notícias ao Minuto

11:04 - 23/03/23 por Lusa

Mundo Migrações

"Um barco com migrantes afundou-se na costa de Al Lauza com 38 migrantes a bordo", afirmou Romdhane ben Amor, membro do Fórum Tunisiano para os Direitos Sociais e Económicos (FTDES), numa publicação na rede social Facebook.

A cidade de Al Lauza fica na província de Sfax, no leste daquele país africano.

"Cinco migrantes foram resgatados com vida, cinco corpos foram recuperados e os demais migrantes estão desaparecidos", indicou Ben Amor, acrescentando que que "são migrantes da África subsaariana".

A Tunísia tornou-se nos últimos anos um dos principais pontos de partida de barcos com migrantes de vários países de África, nomeadamente da região subsaariana, que tentam atravessar o mar Mediterrâneo para chegar à Europa.

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) divulgou no seu portal oficial na internet que neste ano mais de 430 pessoas morreram ou foram dadas como desaparecidas ao tentar cruzar o Mediterrâneo, número que chegou quase a 2.400 em 2022, o maior desde 2017.

Leia Também: MNE diz que UE não pode abandonar Tunísia apesar de "deriva autoritária"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório