Meteorologia

  • 17 JUNHO 2024
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 22º

NATO diz que Rússia está a falhar obrigações do tratado nuclear com EUA

A NATO considerou hoje que a Rússia falhou no cumprimento de várias obrigações do Tratado New Start, como a facilitação de inspeções por parte dos Estados Unidos desde o final do verão do ano passado.

NATO diz que Rússia está a falhar obrigações do tratado nuclear com EUA
Notícias ao Minuto

11:01 - 03/02/23 por Lusa

Mundo NATO

De acordo com uma declaração conjunta, os Estados-membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO) apontaram que o Tratado New Start (Novo Começo) "contribuiu para a estabilidade internacional através da constrição das forças nucleares russas e norte-americanas".

Contudo, Moscovo "falhou com a obrigações às quais está vinculada" ao abrigo deste acordo.

"A recusa da Rússia em facilitar uma sessão da Comissão Bilateral Consultiva dentro dos prazos estabelecidos, e de possibilitar inspeções dos Estados Unidos no território [russo] desde agosto de 2022 impede os Estados Unidos de exercerem importantes direitos no âmbito do tratado, e menoriza a capacidade de os Estados Unidos verificarem adequadamente o compromisso russo dentro dos limites do tratado", sustenta a nota divulgada aos órgãos de comunicação social.

Já Washington, assegura a aliança militar, está a cumprir com o estabelecido no tratado.

A NATO acrescenta que o cumprimento deste tratado por ambas as partes é "essencial para os objetivos de segurança" da aliança militar (da qual fazem parte os Estados Unidos e a maioria dos países da União Europeia).

O tratado foi prolongado em 2021 por mais cinco anos, mas a NATO considerou que o incumprimento de Moscovo "poderá inviabilizá-lo".

"Pedimos à Rússia que cumpra com as suas obrigações ao abrigo do tratado, possibilitando a realização de inspeções no território russo", completou a organização da qual Portugal também faz parte.

Leia Também: Rússia acusa EUA de destruição de tratado sobre desarmamento nuclear

Recomendados para si

;
Campo obrigatório