Meteorologia

  • 14 AGOSTO 2022
Tempo
27º
MIN 17º MÁX 27º

Ex-chanceler da Alemanha demite-se de petrolífera russa

O anúncio acontece depois de, na quarta-feira, a Alemanha ter retirado os privilégios de ex-governante a Gerhard Schroder.

Ex-chanceler da Alemanha demite-se de petrolífera russa
Notícias ao Minuto

13:00 - 20/05/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Rússia/Ucrânia

A petrolífera russa Rosneft anunciou, esta sexta-feira, que Gerhard Schroder já não faz parte da administração, avança a agência France-Press.

A demissão decorre depois de, na quarta-feira, a Alemanha ter retirado os privilégios de ex-governante a Schroder, que é também próximo do presidente da Rússia.

O agora ex-presidente do conselho de supervisão da empresa estatal russa - que esteve também envolvido nos projetos de gasodutos Nord Stream e Nord Stream 2 - foi alvo de críticas depois do ataque de Bucha.

Quando as valas comuns foram descobertas na cidade ucraniana, no início de abril, Schroeder disse que o massacre "tinha que ser investigado", mas rejeitou culpabilizar o Kremlin - dizendo que não acreditava que as ordens tivessem sido dadas por Vladimir Putin.

A guerra na Ucrânia, que hoje entrou no 85.º dia, causou já a fuga de mais de 14 milhões de pessoas de suas casas -- cerca de oito milhões de deslocados internos e mais de 6,3 milhões para os países vizinhos -, de acordo com os mais recentes dados da ONU, que classifica esta crise de refugiados como a pior na Europa desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Também segundo as Nações Unidas, cerca de 15 milhões de pessoas necessitam de assistência humanitária na Ucrânia.

Leia Também: Rússia corta gás à Finlândia no sábado. "Fomos cuidadosos"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório