Meteorologia

  • 05 JULHO 2022
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 32º

Lusa e EyeData lançam plataforma com resultados e análise

A agência Lusa e a Social Data Lab vão lançar na terça-feira, através da ferramenta EyeData, uma plataforma que disponibiliza os resultados eleitorais em tempo real e a sua análise na noite das legislativas.

Lusa e EyeData lançam plataforma com resultados e análise

"A colaboração entre a Lusa e o Social Data Lab, nomeadamente em relação aos 'sites' Eyedata dedicados às eleições, já se tornou uma tradição, a qual acreditamos que, de facto, ajuda não só o trabalho dos jornalistas, como permite a qualquer cidadão encontrar a informação desejada, segundo a sua própria pesquisa", afirmou Luísa Meireles, diretora de informação da agência Lusa.

Matilde Valente Rosa, sócia-gerente da Social Data Lab, que criou a ferramenta EyeData, disse que "esta plataforma aproveita as mais-valias do EyeData, incluindo ainda a comparação com os resultados de eleições anteriores", o que permitirá, "além de conhecer os resultados, tentar compreendê-los e enquadrá-los numa perspetiva que combina dados políticos, sociais, económicos e culturais".

"À semelhança do que tem sido feito para eleições passadas", o projeto "basear-se-á num 'dashboard' [plataforma] acoplado ao EyeData, que começará a apresentar os resultados eleitorais em tempo real a partir das 20:00 de dia 30 de janeiro", descreveu.

Antes, na terça-feira, "a plataforma irá 'para o ar', com resultados fictícios, em teste, para o utilizador poder conhecer as funcionalidades que estarão disponíveis na noite eleitoral", acrescentou.

Esta ferramenta, sublinhou ainda Matilde Valente Rosa, incluirá "uma série de funcionalidades inovadoras, nomeadamente, permitirá conhecer como se caracterizam os concelhos mais abstencionistas ou aqueles em que cada partido tem mais ou menos votos, podendo ser usadas, para essa caracterização, as cerca de 80 variáveis constantes no EyeData".

O EyeData Legislativas 2022 apresentará ainda "um conjunto de curiosidades relacionadas com a noite eleitoral, como a primeira derrota/primeira vitória de um partido em determinado concelho ou círculo eleitoral, ou concelhos onde um partido ficou à frente de outro pela primeira vez", concluiu.

Quanto a indicadores e resultados, esta plataforma apresenta dezenas de variáveis (nos temas ambiente e sustentabilidade, demografia, economia e trabalho; educação, ciência e tecnologia, política e sociedade), e permite relacionar esses indicadores com os resultados eleitorais de determinado partido, também aos níveis nacional, distrital ou concelhio.

A Social Data Lab dedica-se à produção, recolha, análise, apresentação e projeção estatística da informação, sendo autora do EyeData, que apresenta informação detalhada sobre Portugal e os seus concelhos, Portugal na União Europeia e Portugal no mundo, com quase 300 variáveis especialmente selecionadas para permitir ilustrar realidades económicas, sociais ou culturais.

O EyeData permite ainda relacionar todos esses indicadores entre si, de modo a perceber a intensidade da sua interligação.

Mais de 10,8 milhões de eleitores são chamados a votar nas legislativas de 30 de janeiro, antecipadas após o chumbo do Orçamento do Estado para 2022, para escolher os 230 deputados à Assembleia da República.

Às eleições de 30 de janeiro concorrem 21 forças políticas, entre as quais quatro coligações.

Esta é 16.ª vez, desde 1976, que os portugueses votam para eleições legislativas.

Atualmente, há nove partidos representados no parlamento -- PS, PSD, Bloco de Esquerda, PCP, CDS-PP, Verdes, Pessoas-Animais-Natureza (PAN), Iniciativa Liberal (IL) e Chega.

Leia Também: IL quer despedir "treinador" Costa por descer Portugal de divisão

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório