Meteorologia

  • 16 OUTUBRO 2021
Tempo
27º
MIN 14º MÁX 27º

Edição

"Quem me dera ter recebido a vacina". Negacionista morre de Covid-19

Irmã gémea levou a vacina e tentou convencê-lo a fazer o mesmo, mas sem sucesso.

"Quem me dera ter recebido a vacina". Negacionista morre de Covid-19

Um homem, de 42 anos, que não acreditava na Covid-19, morreu da doença quatro semanas depois de ter sido diagnosticado com a mesma.

A história é partilhada pela irmã gémea, que refere que John Eyers era um atleta sem qualquer historial de problemas de saúde.

O homem, natural de Merseyside, no Reino Unido, e que praticava ciclismo e culturismo, acreditava ser uma pessoa saudável e, por isso, achava que a Covid-19 jamais o afetaria.

Jenny - que tem uma opinião contrária - tomou a vacina contra a Covid-19 em maio e tentou convencer o irmão a fazer o mesmo, mas sem sucesso.

John acabou por ficar infetado e teve de ser internado. Morreu um mês depois, após sofrer uma infeção e falência de órgãos. Antes, confessou estar arrependido de não ter sido vacinado, conta o Mirror.

"A minha mãe perdeu o seu querido filho, e o meu sobrinho o seu pai. Isto não devia ter acontecido", conta Jenny, que refere que foi a mãe que pediu que a história de John fosse contada, para que outros não rejeitassem a vacina.

Leia Também: Covid-19: Ex-piloto espanhol que rejeitou vacina está internado na UCI

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório