Meteorologia

  • 04 AGOSTO 2021
Tempo
27º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

AO MINUTO: Passe sanitário em Itália; Incidência de casos sobe no Brasil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Passe sanitário em Itália; Incidência de casos sobe no Brasil

Portugal registou 3.622 novos casos de Covid-19 e mais 16 mortes nas últimas 24 horas, segundo o boletim epidemiológico divulgado esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal totaliza 943.244 contágios, 17.248 óbitos e 873.008 recuperados. 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) avisou hoje que os confinamentos e os impactos na saúde e na economia da pandemia terão um "impacto prolongado" na saúde mental mundial.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

00h00 - Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de sexta-feira. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

23h52 - Angola registou quatro mortos associados à Covid-19 nas últimas 24 horas, período em que foram notificados 178 novos casos, maioritariamente na província do Cunene, e 189 recuperações, anunciaram hoje as autoridades sanitárias.

23h34 - A AHRESP - Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal apresentou hoje ao Governo dos Açores nove medidas para salvar, na região, os setores mais prejudicados pela Covid-19, o alojamento turístico e a restauração e similares.

23h01 - A Guiné-Bissau registou nove novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo dados hoje divulgados pelo Alto Comissariado para a Covid-19.

22h32 - A Itália vai introduzir a 6 de agosto um passe sanitário obrigatório para aceder a espaços fechados como bares e restaurantes, decidiu hoje à tarde o governo dirigido por Mario Draghi. 

"O passe sanitário é um instrumento para permitir aos italianos continuarem as suas atividades com a garantia de não se encontrarem entre pessoas contagiadas", explicou o primeiro-ministro.

22h30 - O Brasil reportou mais 1.412 óbitos e 49.757 novos contágios por coronavírus, segundo os dados divulgados esta quinta-feira pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). Este foi o terceiro dia consecutivo em que o Brasil notificou mais de 1.400 mortes em 24 horas. 

O Brasil acumula 19.523.711 casos confirmados e 547.016 óbitos. 

As incidência de casos e de óbitos continuam a subir de forma gradual. 

21h59 - O presidente da Câmara de Mogadouro disse hoje discordar da matriz de risco imposta pelo Governo para territórios de baixa densidade, justificando que o seu concelho só regista oito casos positivos na comunidade e 48 em dois lares. 

"Este modelo tem de ser revisto e com urgência, porque não se pode prejudicar a economia de um concelho com base nestes dados. Mogadouro tinha na quarta-feira 56 casos ativos, contudo só oito estão na comunidade. Os restantes 48 estão em duas estruturas residenciais para idosos, devidamente controlados pelas autoridades de saúde", concretizou Francisco Guimarães.

20h51 - O Governo destacou hoje o "trabalho exemplar" dos agricultores durante a pandemia de Covid-19, após a divulgação das estatísticas do INE, notando ainda a necessidade de implementar estratégias que assegurem a sustentabilidade do setor.

20h12 - Cabo Verde registou mais 57 novos infetados pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, levando para 33.452 os casos positivos acumulados no país desde o início da pandemia, anunciou hoje o Ministério da Saúde. 

19h40 - A administração Biden já reagiu à recusa da China relativamente a uma segunda missão da Organização Mundial de Saúde (OMS) para investigar a origem do SARS-CoV-2.

A porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, sublinhou que o governo norte-americano está “profundamente desapontado” com a decisão de Pequim.

Psaki referiu que a China não está à altura das suas obrigações ao bloquear o aprofundamento da investigação à origem do novo coronavírus. “A sua posição é irresponsável e, sinceramente, perigosa”, enfatizou.

19h37 - O diretor de medicina intensiva do Hospital de São João, Porto, defendeu hoje que "embora seja importante celebrar vitórias", a sociedade deve ser "humilde" perante o novo coronavírus, porque "o aparecimento de novas variantes pode mudar o jogo".

"Dizer se é no fim de setembro ou de outubro [que se pode abrandar medidas] não é a melhor maneira de comunicar com a sociedade. O que nos ensinou a pandemia é que temos de monitorizar e decidir, dia a dia. É importante celebrar vitórias. É motivacional. Mas temos de procurar vitórias mais pequeninas, não passar do tudo ou nada, de um dia de recolhimento a um dia de libertação. Essa ideia do 'freedom day' não me parece inteligente", disse o médico.

19h06 - O número de concelhos da Área Metropolitana do Porto sob risco muito elevado de incidência de Covid-19 passou de quatro para 10 numa semana, enquanto na Área Metropolitana de Lisboa todos os municípios permanecem no grupo com medidas mais restritivas.

19h04 - As autoridades francesas referiram esta quinta-feira que foram detetados 21.909 novos casos em 24 horas. Este foi o segundo dia consecutivo em que foram registados 21 mil casos em França. O boletim epidemiológico adiantou ainda que morreram mais 11 pessoas devido à Covid-19. 

Em termos acumulados, França soma 5.933.510 casos positivos e 111.587 vítimas mortais.

18h36 - Os autotestes à Covid-19 realizados pelos clientes da hotelaria e restauração, assim como os respetivos resultados não devem ser guardados, afirmou hoje a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, no final da reunião do Conselho de Ministros.

18h10 - A síndrome de Guillain-Barré (SGB) passará a ser incluída na informação de efeitos indesejáveis da vacina da Janssen contra a Covid-19, indicou, esta quinta-feira, o Infarmed. 

18h07 - A Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP) rejeita qualquer decisão unilateral, do empregador ou do trabalhador, no que diz respeito ao teletrabalho para pais com filhos até oito anos, disse hoje à Lusa o presidente.

"Nós somos totalmente contra as opções unilaterais. [...] Não propomos que as empresas o façam, mas também não aceitamos que seja o trabalhador unilateralmente a decidir. [As opções] têm de ser vistas consensualmente entre as duas partes. Não aceitamos qualquer digamos decisão unilateral", afirmou João Vieira Lopes, em declarações à Lusa.

18h03 - Portugal aproxima-se do momento de mudar políticas em relação à pandemia, atendendo à percentagem de população vacinada, disse hoje a ministra Mariana Vieira da Silva, depois de questionada sobre a possibilidade de reabrirem as discotecas.

"O Governo sempre disse que o momento em que uma percentagem muito significativa da sua população tivesse duas doses de vacina seria um momento de mudança de políticas. Aproximamo-nos desse momento. É tempo também de ouvir os especialistas e depois de tomar as decisões", afirmou a ministra da Presidência, na conferência de imprensa que se seguiu ao Conselho de Ministros, em Lisboa.

18h01 - O diretor de serviço de medicina intensiva do Hospital de São João, no Porto, defendeu hoje a aceleração da vacinação de jovens e adolescentes "idealmente antes do início do ano letivo", medida acompanhada da manutenção de cuidados individuais de proteção.

"A partir do momento em que há sistema imunológico maduro, seria vantajoso, para o conceito de benefício sanitário global, a vacinação desse grupo [jovens e adolescentes] idealmente antes do início do ano letivo. Acho que é uma perda de oportunidade extraordinária se não acontecer", disse José Artur Paiva.

17h57 - A proteção civil italiana revelou esta quinta-feira que foram identificados 5.057 casos de infeção no último dia. O boletim epidemiológico deu ainda conta de mais 15 mortes causadas pela Covid-19. A taxa de positividade é de 2,3%. 

No total, Itália soma 4.302.393 casos de contágio e 127.920 vítimas mortais. 

17h30 - O estado de calamidade vai ser renovado no início de agosto na Madeira porque a crise da pandemia da Covid-19 não está ultrapassada, anunciou hoje o presidente do Governo Regional.

"O estado de calamidade que será renovado no início deste mês", afirmou Miguel Albuquerque no encerramento do debate sobre o Estado da Região, que marcou o fim da 2.ª legislatura da Assembleia Legislativa da Madeira.

Miguel Albuquerque salientou que "não vivemos em circunstâncias de normalidade, mas de exceção e é perante esta condição de exceção que este debate devia incidir", abordando as medidas que o executivo regional teve de tomar.

17h06 - O presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, despediu-se hoje dos deputados no último plenário da sessão legislativa com desejos de "menos Covid" e "as maiores venturas", depois de um período de votações de cerca de hora e meia.

17h03 - O Parlamento aprovou hoje uma resolução sobre a aplicação do segundo período de Estado de Emergência, que vigorou entre novembro de 2020 e abril de 2021, considerando que na suspensão de direitos foi respeitado "o princípio da proporcionalidade".

17h01 - As autoridades indianas rejeitaram hoje as conclusões de um estudo que refere que o número real de mortes por Covid-19 seja dez vezes maior do que os dados oficiais.

Para o Ministério da Saúde indiano, o relatório "assume que todos os números de excesso de mortalidade são mortes por Covid-19, o que não é baseado em fatos e é totalmente falacioso".

16h51 - O Departamento de Saúde e de Assistência Social britânico anunciou esta quinta-feira que foram diagnosticados 39.906 infeções e mais 84 óbitos no espaço de 24 horas. Nos últimos sete dias houve uma subida de 50,6% no número de óbitos. 

Em termos globais, o Reino Unido soma 5.602.321 casos confirmados e 128.980 vítimas mortais. 

Quase 70% da população adulta do Reino Unido já completou a vacinação contra a Covid-19. 

16h12 - A União Europeia vai, este ano, doar mais de 200 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 a países de baixo rendimento, anunciou hoje a Comissão Europeia, quando metade dos europeus tem já a vacinação completa.

15h52 - Após o Conselho de Ministros, a ministra Mariana Vieira da Silva falou sobre a situação epidemiológica no país no habitual briefing semanal.

"É claro que o nível de transmissão, continuando acima de 1, é menor do que foi nas últimas semanas. Portugal está hoje numa situação em que o vermelho é menos denso do que era há algumas semanas", afirmou. 

O Governo concluiu que, esta semana, há 29 concelhos que estão em situação de alerta, 55 em risco elevado (eram 44 na semana passada) e 61 em risco muito elevado (eram 46). Confira a lista aqui

"Isto significa que esta semana, como disse na semana passada, não são alteradas nenhumas regras e o que acontece é que a pandemia é controlada pela eficácia da matriz, pelo cumprimento das regras da matriz, e temos hoje 116 concelhos em risco elevado e muito elevado, ou seja, concelhos onde, por exemplo, os testes são obrigatórios para entrar nos restaurantes. Eram 90 na semana anterior", indicou a ministra de Estado e da Presidência.

Na próxima terça-feira, haverá reunião do Infarmed e, como tal, "em função daquilo que os especialistas lá disserem, o Governo tomará decisões na próxima quinta-feira", frisou Mariana Vieira da Silva. 

15h47 - O ritmo da vacinação contra a Covid-19 em África deverá aumentar cinco ou seis vezes para imunizar pelo menos os 10% mais vulneráveis da população, até ao final de setembro, disse hoje a diretora regional da OMS.

15h43 - A presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, advertiu hoje que o rápido aumento de casos de Covid-19 devido à variante Delta representa "uma fonte crescente de incerteza" para a economia da zona euro.

Lagarde disse que a subida de casos pode travar a recuperação "nos serviços, nomeadamente no turismo e na hotelaria". 

Leia Também: AO MINUTO: Internamentos em UCI aumentam; Máscara na rua a acabar?

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório