Meteorologia

  • 27 OUTUBRO 2021
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

AO MINUTO: Brasil sem tréguas; "Vacinar o mundo" até ao final de 2022?

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Brasil sem tréguas; "Vacinar o mundo" até ao final de 2022?

Portugal registou, nas últimas 24 horas, 573 novos casos e três mortes relacionadas com o novo coronavírus. Os dados constam do mais recente boletim epidemiológico divulgado este sábado pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Com mais 681 recuperados, o nosso país ultrapassou a 'barreira' dos 811 mil desde o início da pandemia - são 811.640 no total.

No âmbito da vacinação, arrancou esta sexta-feira o autoagendamento dos cidadãos com mais de 45 anos, indicou a Direção-Geral de Saúde (DGS) no site. Além disso, noutras paragens, Portugal, deixa de estar na próxima terça-feira na lista verde do Reino Unido, encontrando-se assim na zona amarela da matriz de risco. 

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19: 

00h00 - Termina aqui o registo deste sábado. De manhã publicaremos um novo artigo no qual vai poder continuar a acompanhar os principais desenvolvimentos da pandemia em Portugal e no resto do mundo. E, não se esqueça: se sentir sintomas relacionados com o coronavírus ligue para a Linha SNS24 - 808 24 24 24

23h01 - Boris Johnson quer que G7 se comprometa "vacinar o mundo" até ao final de 2022. O primeiro-ministro britânico Boris Johnson irá apelar, na próxima reunião do G7, para que os líderes se comprometem a garantir a vacinação contra a Covid-19 de toda a população do mundo até ao final de 2022

"Vacinar o mundo até ao final do próximo ano seria o maior feito da história da Medicina", afirma o governante, num comunicado divulgado, este sábado, por Downing Street. 

A próxima reunião do G7 está marcada para dia 11 de junho, em Cornwall, em Inglaterra.

22h40 - Brasil soma mais 1.689 mortes e 66.017 casos. O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) do Brasil revela, este sábado que, nas últimas 24 horas, o país registou mais 1.689 mortes associadas à Covid-19 e 66.017 novos casos da doença. 

22h11 - Mercados e centros comerciais reabrem parcialmente em Nova Deli. Os mercados e os centros comerciais de Nova Deli, na Índia, vão reabrir parcialmente, com lotação limitada a 50%, a partir de segunda-feira. De acordo com o The Guardian, este alívio de restrições em vigor devido à pandemia faz parte de uma de cinco etapas de desconfinamento pensadas para a cidade, que serão aprovadas consoante a situação epidemiológica e a pressão sobre os hospitais locais. 

21h41 - Angola anuncia mais 287 casos e seis mortes. Angola reportou nas últimas 24 horas mais 287 casos de Covid-19, bem como seis óbitos e 64 pessoas recuperadas da doença, segundo o boletim epidemiológico da Direção Nacional de Saúde Pública hoje divulgado.

21h28 - Segundo dia consecutivo sem óbitos em Moçambique. Moçambique teve hoje o segundo dia consecutivo sem anúncio de óbitos por Covid-19 e registou 63 novos casos a partir de um total de 1.133 testes nas últimas 24 horas, de acordo com informação do Ministério da Saúde.

21h07 - Cabo Verde com mais 96 casos. Cabo Verde registou mais 96 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, elevando para 31.003 o acumulado de casos desde 19 de março de 2020, anunciou hoje o Ministério da Saúde.

20h49 - Madeira regista três novos casos. A Madeira registou três novos casos de Covid-19 e 16 recuperações nas últimas 24 horas, indicou hoje a Direção Regional de Saúde (DRS), referindo que o total de infeções ativas é de 127, com seis doentes hospitalizados.

20h04 - Centenas de venezuelanos viram frustrada possibilidade de se vacinar. Centenas de venezuelanos ficaram horas em fila e viram frustrada uma possível vacinação contra a Covid-19, porque se esgotaram as vacinas a aplicar hoje, em Caracas, situação que está a ser amplamente criticada pela população.

Notícias ao Minuto Utente reclama com profissional de saúde devido às horas de espera pela vacinação contra a Covid-19, em Caracas. © Reuters

19h48 - França com mais 57 mortos e mais de 6 mil novos casos. França registou 6.654 novos casos de Covid-19 e mais 57 mortes nas últimas 24 horas, anunciaram hoje as autoridades sanitárias francesas, que também realçaram uma queda ao nível das hospitalizações.

18h57 - Regresso dos navios de cruzeiro a Veneza gera protestos. O regresso dos navios de cruzeiro a Veneza foi assinalado com uma manifestação que juntou hoje organizações de defesa do ambiente e habitantes da cidade, cansados de ver estas embarcações poluírem as águas venezianas.

Notícias ao Minuto Manifestantes no porto de Marghera, este sábado, em Veneza. © Reuters

18h34 - Itália estima receber este verão mais 20% de turistas do que em 2020. A Itália, que está a levantar gradualmente as suas restrições anti-Covid, estima receber este verão mais 20% de turistas do que recebeu em 2020, disse hoje a Federação Italiana de Turismo (Assoturismo).

Em comunicado, a Assoturismo refere que estima que entre junho e agosto cheguem ao país 33 milhões de turistas e 140 milhões de dormidas em centros de acolhimento oficiais.

18h18 - Vacinação nas Caldas da Rainha com mais de duas horas de espera de manhã. O processo de vacinação nas Caldas da Rainha, distrito de Leiria, decorreu na manhã de hoje com mais de duas horas de espera e dezenas de pessoas acumuladas no interior do pavilhão da Mata, contaram utentes no local.

17h29 - Reino Unido regista mais 13 óbitos e mais de 5 mil novos casos. O governo britânico informou, este sábado, que o Reino Unido contabilizou, nas últimas 24 horas, mais 13 vítimas mortais associadas à Covid-19 e 5.765 de novas infeções. 

Ainda segundo o executivo, 40.124.229 pessoas no conjunto de países já recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e 27.160.635 encontram-se totalmente imunizadas. 

16h48 - Itália com mais 57 mortos e 2.436 infeções. O mais recente balanço da crise pandémica em Itália revela que os dados registados nas últimas 24 horas são relativamente mais baixos do que os de sexta-feira. Com efeito, o Ministério da Saúde do país contabilizou este sábado mais 57 mortes (ontem tinham sido 73) e 2.436 novos casos de Covid-19 (2.557 na sexta-feira)

16h09 - Tem mais de 45 anos e ainda não foi vacinado? Desde ontem que a população com mais 45 anos já pode fazer o agendamento online da vacinação contra a Covid-19, escolhendo o local e data que pretender. Se ainda não foi vacinado, o Serviço Nacional de Saúde (SNS) lembrou, este sábado, que fazer a marcação "basta aceder a este site e preencher o formulário. 

15h13 - Bélgica começa a vacinar jovens de 16 e 17 anos em julho. A Bélgica vai começar em julho a vacinar jovens de 16 e 17 anos contra a Covid-19 com a vacina da BioNTch-Pfizer, aprovada pela Agência Europeia de Medicamento (AEM) para aquele grupo etário, adiantaram hoje as autoridades belgas.

14h46 - Especialistas projetam subida de infeções no Brasil nas próximas semanas. Especialistas clínicos brasileiros consideram que o Brasil vai registar um aumento de infeções por Covid-19 nas próximas semanas, que poderá caracterizar uma terceira vaga embora a doença nunca tenha estado controlada de facto.

14h19 - Copa no Brasil? Como "contratar músicos para distrair pessoas em velório". O epidemiologista José Cássio de Moraes considera que decisão do Governo brasileiro de acolher a Copa América de futebol equivale a uma "tentativa de contratar um conjunto musical para tocar num velório para distrair as pessoas".

Médico e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP), Moraes salientou que o facto de o Brasil aceitar substituir a Argentina como sede do torneio revela uma tentativa governamental de fazer com que as pessoas esqueçam a situação da pandemia de Covid-19 no país, que classificou como "bastante dramática".

14h07 - Dados de Portugal. O nosso país registou, nas últimas 24 horas, 573 novos casos e três mortes relacionadas com o novo coronavírus. Os dados constam do mais recente boletim epidemiológico divulgado este sábado pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

Com mais 681 recuperados, o nosso país ultrapassou a 'barreira' dos 811 mil desde o início da pandemia - são 811.640 no total.

13h20 - "Doutor, quantos caíram hoje?" Benfica partilha relatos sobre surto. 'Encarnados' lançam documentário sobre surto de Covid-19 que afetou o plantel e equipa técnica.

12h46 - Açores registam 23 novos casos e 24 recuperações na ilha de São Miguel. Os Açores registaram hoje 23 novos casos de infeção pelo novo coronavírus que provoca a Covid-19 e 24 recuperações, havendo agora 278 casos ativos, todos na ilha de São Miguel.

12h39 - Líderes regionais do PS pedem esforço para manter ilhas na "lista verde". Os líderes das estruturas regionais do PS da Madeira e dos Açores defenderam hoje, no Funchal, que as autoridades devem desenvolver esforços junto do governo britânico para garantir a manutenção das duas regiões na "lista verde" de viagens internacionais.

12h20 - China autoriza uso de emergência da vacina Sinovac em menores. A China autorizou o uso de emergência da CoronaVac, a vacina contra a Covid-19 da farmacêutica Sinovac, em pessoas com idades entre 3 e 17 anos, anunciou o presidente da empresa.

12h12 - Pandemia já matou 3,71 milhões de pessoas no mundo. A pandemia de Covid-19 matou, até hoje, pelo menos 3.714.923 pessoas no mundo desde o final de dezembro de 2019, segundo um levantamento realizado pela agência de notícias francesa AFP a partir de fontes oficiais.

12h08 - Itália tem 23,5% da população imunizada e regista recordes de vacinação. As autoridades de saúde de Itália administraram na sexta-feira um número recorde de doses de vacinas contra a Covid-19 (598.510) e já conseguiram imunizar 23,5% da população do país, divulgou hoje o Governo italiano.

12h06 - Governo envia duas equipas para Cabo Verde. "O Governo vai enviar duas equipas de profissionais de saúde para Cabo Verde, entre os dias 4 e 11 de junho, para complementarem presencialmente a formação relativa à Abordagem e Tratamento do Doente Crítico Covid-19", anunciou este sábado o Serviço Nacional de Saúde no Twitter.

10h40 - 100 mil vacinas Sinovac oferecidas pela China chegaram a Díli. Cem mil doses da vacina Sinovac, oferecidas pelo Governo da China, chegaram hoje a Timor-Leste onde deverão começar a ser distribuídas já na próxima semana, confirmaram as autoridades timorenses.

10h31 - Bairro da Bica despido e conformado por não haver arraiais nos Santos. A uma semana da noite de Santo António e com os "encontros de novo adiados", como cantava Jorge Palma, o bairro da Bica, em Lisboa, encontra-se conformado por não haver arraiais e por estar despido dos tradicionais enfeites.

10h29 - Recuperações ultrapassam novas infeções em Timor-Leste. O número de casos da Covid-19 em Timor-Leste voltou hoje a cair, com o número de recuperações (176) a ultrapassar o de novos casos detetados, a maior parte dos quais na capital timorense.

09h18 - Comece o dia bem informado. Fique a par dos títulos que fazem as capas dos jornais deste sábado, dia 5 de junho. "Costa dá emprego a 1.259 boys; Turismo teme pelo verão"

08h34 - Do IVA devolvido à decisão britânica: Os 5 números relevantes da semana. O Notícias ao Minuto avaliou os momentos fundamentais desta semana que são transversais a vários setores. Conheça-os aqui através dos principais números.

08h03 - Putin pede aos países europeus que reconheçam a vacina russa Sputnik V. O Presidente russo, Vladimir Putin, negou hoje que utiliza a vacina Sputnik V como instrumento geopolítico para ganhar influência, ao mesmo tempo que expressou o desejo de que os países europeus reconheçam o tratamento contra a Covid-19.

07h42 - Argentina anuncia que vai produzir vacina russa Sputnik V. O presidente da Argentina, Alberto Fernández, anunciou sexta-feira o início da produção da vacina russa contra a covid-19 no país, a Sputnik V, durante uma conferência virtual com o seu homólogo da Rússia, Vladimir Putin.

07h19 - Alemanha regista mais 122 mortes e regista quase 90 mil óbitos no total. A Alemanha contabilizou, nas últimas 24 horas, são agora 89.148 o total de vítimas mortais do novo coronavírus, mais 122 do que ontem. Quanto aos infetados, há mais 2.294 novos casos de Covid-19. O país soma agora um total de 3.697.927 infetados desde que a pandemia teve início.

07h03 - Enquanto dormia:

07h00 - Bom dia, iniciamos um novo registo de acompanhamento da pandemia. Pode recordar o anterior aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório