Meteorologia

  • 17 JUNHO 2021
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 21º

Edição

Julgamento que pode ilegalizar grupo de Navalny adiado para junho

A justiça russa adiou hoje para junho o julgamento que visa qualificar como "extremistas" as organizações de Alexei Navalny, uma medida que segundo os apoiantes do dirigente da oposição pretende silenciar o movimento de contestação.

Julgamento que pode ilegalizar grupo de Navalny adiado para junho
Notícias ao Minuto

11:22 - 17/05/21 por Lusa

Mundo Navalny

Decorrida uma hora após o início da primeira audiência, o Tribunal Municipal de Moscovo adiou para o dia 09 de junho a continuação do julgamento, que vai decorrer à porta fechada.

De acordo com os advogados do "Komanda 29", o grupo de defensores das organizações de Navalny, a acusação apresentou novos elementos, pedindo o adiamento do julgamento.

O início do processo decorreu um dia antes da apresentação de uma proposta de lei pelos deputados da Câmara Baixa do Parlamento russo, Duma, que pretende impedir pessoas envolvidas em organismos "extremistas" de se candidatarem às próximas eleições legislativas que estão agendadas para o mês de setembro.

Os apoiantes de Navalny, impedido de concorrer por se encontrar preso desde janeiro, pretendem apresentar-se à votação.  

A Procuradoria pediu, em meados do mês de abril, que as delegações do organismo contra a corrupção ligadas a Navalny sejam consideradas "extremistas" para que os colaboradores e apoiantes do dirigente da oposição sejam condenados a penas de prisão.

Navalny foi condenado a dois anos e meio de cadeia no quadro de um processo de fraude que data de 2014 mas o processo é visto pelos apoiantes como um "caso político".

O jornal Kommersant, que cita fontes ligadas às forças de segurança, noticia hoje que o processo sobre "extremismo" vai decorrer à porta fechada porque nomes de membros dos serviços de informações são citados no processo.

Leia Também: Encontrado vivo médico desaparecido que tratou Navalny após envenenamento

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório