Meteorologia

  • 18 ABRIL 2021
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 24º

Edição

Pelo menos 46 mortos atribuídos à guerrilha do Uganda na RDCongo

Pelo menos 46 pessoas morreram em Irium, província do norte da República Democrática do Congo (RDC), após um ataque atribuído aos rebeldes ugandeses das Forças Democráticas Aliadas (ADF), informaram hoje as autoridades locais. 

Pelo menos 46 mortos atribuídos à guerrilha do Uganda na RDCongo
Notícias ao Minuto

09:32 - 15/01/21 por Lusa

Mundo RDCongo

De acordo com o jornal digital Actualité que cita fontes civis, o ataque ocorreu na quinta-feira tendo morrido mulheres e crianças.

"Alertaram-nos para um ataque das ADFem Abombi, infelizmente mataram vários pigmeus (grupo étnico local). A informação mais recente indica 46 mortos", disse na quinta-feira o ministro do Interior provincial de Ituri, Adio Gidi.

De acordo com o ministro, em declarações ao mesmo jornal, os atacantes são membros da milícia ADF-NALU, subgrupo que foi criado em meados dos anos 1990 e que combateu as forças do presidente YoweriMusevi, do Uganda.

"De acordo com os feridos e sobreviventes, o número de vítimas mortais podia ter sido superior", disse Gidialertando que o balanço de vítimas é provisório.

Quase todos os mortos são pigmeus do posto de WaleseVonkutu, zona próxima da província de Kivu, norte, onde as Forças Armadas da República Democrática do Congo (FARDC) combatem as forças das ADF.

O grupo armado ugandês começou a campanha em 1996 no oeste do Uganda em contestação política contra o regime de Museveni tendo sido afastados para junto à fronteira com a República Democrática do Congo.

O noroeste da República Democrática do Congo enfrentahá várias décadas um conflito armado em que estão envolvidas centenas de milícias armadas, assim como se verificam ataques impunes das forças regulares e num país onde se encontram estacionados 18 mil capacetes azuis das Nações Unidas.

Leia Também: Uganda acusa EUA de quererem "interferir" nas presidenciais de 5.ª feira

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório