Meteorologia

  • 13 AGOSTO 2022
Tempo
28º
MIN 18º MÁX 28º

AO MINUTO: Mais 70 mortos em Portugal; Datas para AR votar Emergência

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Mais 70 mortos em Portugal; Datas para AR votar Emergência

O novo período do Estado de Emergência em Portugal, que vigora até 23 de dezembro, iniciou-se às 00h00 desta quarta-feira, com um total de 113 concelhos do continente em risco de transmissão de Covid-19 extremamente elevado ou muito elevado.

Nestas duas semanas que hoje se iniciam, até às 23h59 de 23 de dezembro, não há proibição de circulação de concelhos no Continente e mantêm-se então regras mais apertadas para os territórios de risco extremamente elevado (35 concelhos) e muito elevado (78), incluindo a proibição de circulação na via pública entre as 13h00 e as 05h00 nos fins de semana de 12 e 13 e de 19 e 20.

Recorde aqui todas as regras em vigor (também no Natal e Ano Novo) e aqui qual o nível de risco em que o seu concelho se encontra.

Portugal registou, nas últimas 24 horas, 70 vítimas mortais e  4.097 novos casos de Covid-19. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado, esta quarta-feira, pela Direção-Geral da Saúde (DGS), já foram contabilizados, desde o início da pandemia, 5.192 óbitos e 332.073 casos confirmados do novo coronavírus.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

15h00 - Boa tarde! Este registo termina por aqui, mas pode continuar a acompanhar todas as incidências acerca do novo coronavírus neste link.

14h52 - Rússia recomenda 42 dias sem álcool após ser tomada a vacina. O processo de vacinação em massa na Rússia começou no passado sábado, dia cinco de dezembro, em Moscovo. A proposta nacional - Sputnik V - tem um eficácia anunciada de 95% e, com a sua toma, vêm algumas recomendações.

A vice-primeira-ministra, Tatiana Golíkova, responsável pelo plano de vacinação, alertou os cidadãos vacinados que estes "devem evitar locais públicos e reduzir a ingestão de drogas e álcool, que podem suprimir o sistema imunitário, nos primeiros 42 dias após a aplicação da primeira das duas doses".

14h45 - Açores com 27 novos casos e três novas cadeias de transmissão. Os Açores registaram nas últimas 24 horas 27 novos casos positivos de Covid-19, sendo 16 em São Miguel e 11 na ilha Terceira, e foram detetadas três novas cadeias de transmissão da doença.

14h37 - Victor Espadinha posa nu e "oferece corpo à DGS". Victor Espadinha surpreendeu os seguidores da sua página oficial de Facebook ao partilhar uma fotografia em que aparece sem roupa. Uma imagem que serviu para anunciar: "Ofereço o meu corpo à DGS para ser o primeiro cidadão português a ser vacinado contra a Covid-19"

14h10 - Enfermeiros exigem que Governo substitua contratos precários por efetivos. O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) exigiu hoje em Vila Nova de Gaia que o Governo reconheça o risco de penosidade da profissão, estimando 830 casos "só na região do Porto".

"Na região do Porto, neste momento, temos cerca de 830 enfermeiros com vínculo precário. Desses [cerca de] 600 têm contratos de quatro [meses consecutivos e sem ausências] e cerca de 230 contratos de substituição. O Governo diz que aqueles que, em 31 de dezembro, tiverem oito meses de contrato passarão a tempo indeterminado, caso haja vaga nas instituições. Só 167 colegas é que reúnem essas condições", alertou a coordenadora da direção Regional do SEP, Fátima Monteiro.

14h01  - Portugal regista hoje 70 mortos e 4.097 casos confirmados de Covid-19. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado, esta quarta-feira, pela Direção-Geral da Saúde (DGS), já foram contabilizados, desde o início da pandemia, 5.192 óbitos e 332.073 casos confirmados de Covid-19.

13h56 - Quase metade dos hotéis preveem encerrar até ao final do ano. Quase metade dos hotéis preveem encerrar até ao final do ano e os grupos com várias unidades admitem fechar 56% dos seus estabelecimentos, revelou hoje a Associação da Hotelaria de Portugal (AHP).

13h49 - Nikki Haley revelou nas redes sociais que a sua cunhada morreu vítima de Covid-19. A embaixadora norte-americana nas Nações Unidas referiu que Rhonda Lee Nelson, conhecida como cantora e pianista dentro da sua comunidade, morreu um dia antes do dia de Ação de Graças. 

13h23 - Parlamento vota renovações da Emergência em 17 de dezembro e 6 de janeiro. O Parlamento debaterá e votará a próxima renovação do Estado de Emergência devido à pandemia de Covid-19 no dia 17 de dezembro e, se houver novo prolongamento, no plenário de 6 de janeiro de 2021. A informação foi transmitida pela porta-voz da conferência de líderes, a socialista Maria da Luz Rosinha, no final da reunião deste órgão, que fez os agendamentos parlamentares até 8 de janeiro.

13h11 - Terminado surto em lar do concelho de Ourém que infetou 56 pessoas. O surto de Covid-19 que infetou 56 pessoas, entre utentes e funcionários, de um lar em Casal dos Bernardos, concelho de Ourém, está terminado, disse hoje à agência Lusa o gerente. "Está terminado. Não registámos, felizmente, nenhuma vítima mortal", afirmou Faustino Lopes.

13h04 - Reino Unido (já) vacina população contra a Covid-19. O país foi o primeiro no mundo a autorizar a utilização da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pelo grupo farmacêutico norte-americano Pfizer e pela empresa alemã BioNTech. Veja as imagens.

Notícias ao Minuto[Reino Unido (já) vacina população contra a Covid-19]© Getty Images

12h59 - Governo mantém apoio extraordinário a instituições até final do ano. O Governo vai prolongar até ao final do ano o pagamento extraordinário das comparticipações financeiras às instituições de solidariedade social que têm respostas sociais suspensas por causa da Covid-19, ou que tiveram de as adaptar.

12h51 - Justiça belga considera que medidas restringem liberdade de culto. O Conselho de Estado belga, um dos principais tribunais do país, decidiu na terça-feira que as medidas impostas pelo governo no âmbito do combate à pandemia de Covid-19 introduzem uma "restrição desproporcionada da liberdade de culto".

12h44 - Vídeo mais popular do ano no YouTube é da autoria da DGS. Num post que partilhou nas suas redes sociais, a Direção Geral da Saúde (DGS) revela que é da sua autoria o "vídeo mais popular no YouTube em 2020". O vídeo a que se refere mostra a "técnica de lavagem das mãos" que deve ser adotada para evitar a propagação do vírus SARS-CoV-2.

12h33 - Pandemia já matou mais de 1,5 milhões de pessoas no mundo. A pandemia do novo coronavírus matou pelo menos 1,557.814 pessoas no mundo desde que a OMS relatou o início da doença em dezembro, segundo um levantamento realizado pela France Presse junto de fontes oficiais às 11h00.

12h14 - Santuário de Fátima retoma programa oficial completo. O Santuário de Fátima retoma no fim de semana o programa oficial completo, com o regresso de todas as missas de tarde na Basílica da Santíssima Trindade nos dias 12, 13, 19 e 20, após a suspensão devido à pandemia.

11h57 - Rússia envia à OMS documentação da segunda vacina do país. A Rússia enviou à Organização Mundial da Saúde (OMS) a documentação referente à segunda vacina do país contra a covid-19 - a EpiVacCorona - anunciou hoje Anna Popova, chefe dos serviços sanitários russos: "No dia 8 de dezembro foi enviada à OMS a documentação de outra vacina russa. Trata-se da EpiVacCorona. Estamos à espera da decisão da OMS".

11h40 - Reino Unido faz aviso sobre vacina da Pfizer. A Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos para a Saúde (MHRA) do Reino Unido publicou esta quarta-feira um aviso às pessoas que têm um historial de graves reações alérgicas para não tomarem a vacina da Pfizer/BioNTech contra a Covid-19. O alerta chega após dois profissionais de Saúde que a receberam ontem terem sofrido desta condição. 

11h32 - Polónia diz que há acordo para desbloquear 'bazuca'. A Polónia e a Hungria terão chegado a um acordo com a Alemanha para desbloquear o orçamento de 2,2 biliões da União Europeia (UE) e o plano de estímulos, disse o vice-primeiro-ministro da Polónia, Jaroslaw Gowin, citado pela Bloomberg

Na terça-feira, a Alemanha apelou à Hungria e à Polónia para levantarem o veto aos orçamentos plurianuais da UE e assim desbloquearem a ajuda do fundo de recuperação pós-pandémica.

11h25 - Menos 9 milhões de consultas presenciais nos centros de saúde até outubro. Os cuidados de saúde primários registaram nos primeiros 10 meses deste ano menos nove milhões de contactos presenciais médicos e de enfermagem relativamente ao mesmo período de 2019, segundo dados hoje divulgados pelo Movimento Saúde em Dia.

10h21 - Pandemia expôs fragilidades e danificou direitos humanos. A pandemia "expôs todas as fissuras e fragilidades" da sociedade e danificou os direitos humanos, afirmou hoje, a alta comissária para os Direitos Humanos da ONU, Michelle Bachelet, criticando a gestão da crise sanitária. "O ano de 2020 causou estragos, não apenas em todas as regiões e países, mas também em todos os nossos direitos, quer os económicos, os sociais, os culturais, os civis e os políticos", disse.

10h03 - Chanceler alemã pede mais restrições até meados de janeiro. A chanceler alemã, Angela Merkel, pediu hoje novas restrições até meados de janeiro em todo país por considerar que as existentes estão a mostrar-se insuficientes para controlar o número de casos de Covid-19.

09h48 - África com mais 463 mortes e mais 13.098 infetados em 24 horas. África registou 463 mortes devido à Covid-19 e mais 13.098 novos casos de infeção nas últimas 24 horas, contabilizando agora 54.564 óbitos causados pelo novo coronavírus, segundo dados oficiais.

09h25 - Europeus estão "mais bem protegidos com uma vacina autorizada" pela EMA. Os europeus estão "mais bem protegidos com uma vacina autorizada" pela Agência Europeia do Medicamento (EMA), alertou a diretora executiva Emer Cooke sublinhando que os estudos das farmacêuticas devem ser confirmados antes de serem implementados.

Para Emer Cooke, "é uma boa notícia" que as vacinas contra o SARS CoV-2 tenham "uma eficácia de 90%", mas alerta que as análises das empresas farmacêuticas devem ser confirmadas para que seja garantido que os estudos feitos até ao momento são suficientes.  

09h13 - Israel recebe primeira remessa de vacina contra o novo coronavírus. Israel recebeu hoje a primeira remessa de vacinas contra o novo coronavírus da Pfizer/BioNTech (EUA e Alemanha) e outras vão chegar ao país nos próximos dias, para começaram a ser administradas nas próximas semanas.

09h02 - Enzo Pérez, antigo jogador do Benfica, está infetado com Covid-19. O River Plate anunciou, em forma de comunicado emitido através das plataformas oficiais ao final da noite desta terça-feira, que Enzo Pérez foi diagnosticado com uma infeção pelo novo coronavírus. O internacional argentino, que representou o Benfica entre 2011 e 2015, é, assim, baixa certa nas contas do treinador Marcelo Gallardo para o encontro da 1ª. mão dos quartos-de-final da Libertadores, diante do Nacional.

08h55 - Enfermeira admite que não cumpre regras da Covid-19 e é despedida. Uma enfermeira do Oregon, nos EUA, concordou em deixar de exercer a sua profissão após a partilha de um vídeo onde gozava com as regras impostas na sequência da pandemia de Covid-19. Ashley Grames já não trabalha para o Salem Health e assinou, voluntariamente, a sua rescisão com esta instituição de saúde, enquanto ainda aguarda pela decisão da Ordem dos Enfermeiros. Veja as imagens.

08h41 - "Nunca tínhamos tido uma crise tão forte como a que temos hoje". Os tempos que atravessamos, diferentes para todos, estão a afetar muitos portugueses. Desde março que os pedidos de ajuda não param de chegar ao Banco Alimentar, e a situação piorou depois de setembroAtualmente, são feitos "52 pedidos diários de ajuda".

O número preocupante é avançado ao Notícias ao Minuto por Isabel Jonet, presidente da Federação Portuguesa de Bancos Alimentares contra a Fome, que desde março está também na linha da frente no combate à pobreza que a Covid-19 (também) trouxe.

08h35 - Emirados Árabes Unidos afirmam que vacina chinesa tem 86% de eficácia. Os Emirados Árabes Unidos, que reúnem sete emirados, incluindo Dubai e Abu Dhabi, testaram a vacina desenvolvida pela Sinopharm, a partir do início de setembro, em 31 mil voluntários de 125 países diferentes e idades entre 18 e 60 anos.

08h23 - Como a Covid-19 afeta os olhos. Novo estudo fornece mais informações. De acordo com uma nova pesquisa, publicada na revista BMJ Open Ophthalmology, as dores nos olhos são o indicador visual mais significativo da Covid-19. Para chegar a esta conclusão, investigadores da Anglia Ruskin University (ARU) pediram a pessoas com diagnóstico confirmado de Covid-19 para preencher um questionário sobre os seus sintomas, e como estes eram comparados antes de testarem positivo.

O estudo descobriu que as dores nos olhos eram significativamente mais comuns quando os participantes tinham Covid-19, com 16% a relatar o problema como um dos seus sintomas.

08h11 - Primeiro-ministro moldavo infetado com o novo coronavírus. Ion Chicu está infetado com o novo coronavírus e a informação foi avançada pelo seu conselheiro, Boris Harea, através de uma mensagem colocada na rede social Facebook. O responsável avançou ainda que o chefe do executivo da Moldávia vai continuar a trabalhar, apesar de ter tido um teste positivo: "O primeiro-ministro vai liderar o governo remotamente", esclareceu. 

08h07 - Muitas democracias usaram medidas ilegais ou desnecessárias. Quase metade das democracias globais implementou restrições que foram ilegais, desproporcionais ou desnecessárias, por causa da pandemia de Covid-19, segundo um relatório da IDEA Internacional hoje divulgado.

Dois dos aspetos mais afetados pelas medidas de contenção contra a pandemia foram a liberdade de expressão e a integridade dos 'media' e 43% das democracias aplicaram medidas de combate contra a crise sanitária que prejudicaram valores políticos e cívicos essenciais, de acordo com o documento.

07h55 - CoronaVac. Qual é a diferença entre a vacina da China e as outras? A vacina contra a Covid-19 que está a ser desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac - CoronaVac - já chegou à Indonésia em preparação para uma campanha de vacinação em massa, com outras doses de 1,8 milhões previstas para chegar em janeiro, diz a BBC. Mas, o que a distingue?

07h42 - Hamilton quer recuperar da Covid-19 a tempo do último GP da época. Lewis Hamilton pode já ter assegurado a conquista matemática de mais um título de campeão do mundo de Formula 1, mas nem por isso tem qualquer intenção de falhar o Grande Prémio de Abu Dhabi, o último da temporada. O piloto britânico, recorde-se, ficou de fora da corrida do passado fim de semana, no Bahrain, após ter sido diagnosticado com uma infeção pelo novo coronavírus, mas pretende regressar para se despedir em grande de 2020.

07h33 - Alemanha bate recorde diário de mortes por Covid-19 com 590 vítimas. A Alemanha bateu, esta quarta-feira, o seu recorde de mortes. Foram, nas últimas 24 horas, 590 as vítimas mortais da Covid-19, o número mais alto desde o início da pandemia. O valor excede em cerca de uma centena de vítimas o recorde anterior, de 487 mortes em apenas um dia, e que foi registado na quarta-feira passada.

07h30 - China soma quatro casos por contágio local e 11 oriundos do exterior. A Comissão de Saúde da China anunciou hoje ter identificado 15 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, incluindo quatro por contágio local e os restantes oriundos do exterior. Os 11 casos importados foram diagnosticados no município de Xangai (leste) e nas províncias de Guangdong (sudeste), Jiangsu (leste), Guangxi (sudoeste) e Sichuan (sudoeste).

07h27 - México com mais 800 mortos e 11.006 casos. O México registou 800 mortes provocadas pelo novo coronavírus e 11.006 infetados nas últimas 24 horas, elevando o total de óbitos para 110.874 e o de casos para 1.193.255, informaram as autoridades mexicanas.

07h18 - Província chinesa vai vacinar de urgência dois milhões após detetar surto. A província chinesa de Sichuan, que diagnosticou sete casos de Covid-19 nos últimos dias, iniciou um programa de vacinação de "emergência" que abrangerá até dois milhões de pessoas, avançou hoje a imprensa estatal. Segundo o jornal oficial Global Times, as autoridades esperam concluir esta campanha de vacinação antes do final deste ano.

07h13 - Índia com 402 mortos e 32.080 casos nas últimas 24 horas. Desde o início da pandemia, a Índia contabilizou mais de 9,7 milhões de casos do novo coronavírus (9.735.850), mantendo-se como o segundo país com mais infeções, atrás dos Estados Unidos, que no último balanço contava com mais de 15,1 milhões.

07h10 - EUA com 2.496 mortos e 218.859 casos nas últimas 24 horas. Os Estados Unidos registaram 2.496 mortes provocadas pelo novo coronavírus e 218.859 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

07h02 - Novo Estado de Emergência iniciado hoje. 113 concelhos com mais regras. O novo período do estado de emergência em Portugal, que vigora até 23 de dezembro, iniciou-se às 00h00 de hoje, com um total de 113 concelhos do continente em risco de transmissão de Covid-19 extremamente elevado ou muito elevado.

Recorde aqui as medidas em vigor

Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por República Portuguesa (@gov_pt)

07h00 - Bom dia! Iniciamos aqui um novo registo para que possa acompanhar todas as incidências acerca do novo coronavírus. Para recordar o que aconteceu ontem, clique aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório