Meteorologia

  • 16 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 4º MÁX 14º

Edição

AO MINUTO: Vacina? "Universal e gratuita"; Lar na Guarda com 130 casos

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Vacina? "Universal e gratuita"; Lar na Guarda com 130 casos

O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) estima que, se Portugal mantiver as restrições adotadas atualmente, irá registar em dezembro "níveis muito baixos" de novos casos de Covid-19, seguidos de menos admissões hospitalares e mortes.

Ainda segundo o ECDC, as viagens na União Europeia (UE) durante o Natal e fim de ano terão "pouco impacto" na propagação da Covid-19, devido à "transmissão interna significativa" nos países.

Portugal registou, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), 4.093 novos casos de Covid-19 e mais 64 mortes. No total, Portugal soma 294.799 casos de contágio e 4.427 vítimas mortais.

Veja aqui a evolução da Covid-19 no país e no mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

00h00 - Boa noite! Este registo chegou ao fim, mas será retomado um novo na manhã de segunda-feira. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

  • SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24
  • SNS24 da Madeira: 800 24 24 20
  • SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

23h25 - Portugal deverá receber "cerca de 22 milhões de doses" de vacinas. Marques Mendes avançou esta noite informações sobre como irá decorrer a vacinação contra a Covid-19, no país.

Primeiras doses poderão chegar a Portugal já em janeiro e a vacina será "universal e gratuita" para todos. Primeiramente, adiantou ainda o comentador, serão vacinados os idosos, residentes de lares e os profissionais de saúde, das forças de segurança e da Proteção Civil.

22h24 - Brasil regista mais 24.468 casos e 272 mortes pela Covid-19. O Brasil registou, nas últimas 24 horas, mais 24.468 casos e 272 mortes pela Covid-19. Os dados constam do mais recente boletim epidemiológico, revelado pelas autoridades de Saúde, este domingo. No total, desde o início da pandemia, o país já contabilizou 6.314.740 infeções pelo novo coronavírus e 172.833 óbitos.

22h09 - Mais de 130 casos confirmados em lar na Guarda. O foco de contágios foi descoberto na semana passada. Responsáveis pela instituição dizem que situação está controlada.

21h11 - Madeira com 12 novos casos de transmissão local. A Madeira registou hoje 12 novos casos de covid-19, todos de transmissão local, e 80 situações suspeitas, indicou a Direção Regional da Saúde, esclarecendo que o total de infeções ativas no arquipélago é agora de 207.

20h57 - Área Metropolitana de Lisboa ajusta horários dos transportes públicos. Os novos horários entram em vigor a partir de 30 de novembro até 7 de dezembro. Conheça todas as alterações.

20h42 - França regista 198 mortes e 9.784 novos casos. França registou 198 mortes relacionadas com a covid-19 e 9.784 casos de infeção nas últimas 24 horas, elevando o número total de óbitos para 52.325 desde o início da pandemia, foi hoje anunciado.

20h26 - PSP pede que Festas Nicolinas em Guimarães sejam celebradas em casa. A PSP de Braga apelou hoje para que as Festas Nicolinas, que se celebram tradicionalmente em Guimarães a partir desta noite, "sejam celebradas em casa", isto depois de esta manhã ter registado uma "concentração anormal" no centro da cidade.

20h13 - Milhares manifestam-se em Madrid em defesa da Saúde Pública. Milhares de pessoas marcharam hoje na capital espanhola, em defesa do sistema público de saúde e contra a construção do novo hospital de emergência Isabel Zendal, considerando que a cidade precisa de mais meios humanos e menos de instalções físicas.

Notícias ao Minuto[Milhares manifestam-se em Madrid em defesa da Saúde Pública]© Getty Images

19h43 - Surto no Lar em Moncorvo com infeção de 13 utentes e seis funcionários. Um surto provocado pelo novo coronavírus infetou 19 pessoas no Lar de Mós, no concelho de Torre de Moncorvo, distrito de Bragança, disse hoje à agência Lusa o responsável pela instituição, Luís Lopes.

19h13 - Nova Iorque reabre escolas menos de duas semanas após encerramento. A cidade de Nova Iorque, que fechou as escolas públicas devido ao aumento dos casos de infeção com o novo coronavírus, anunciou hoje que vai reabrir as escolas do ensino básico, a partir de 7 dezembro.

19h05 - Reino Unido regista 215 mortes e 12.155 novos casos em 24 horas. O Reino Unido registou nas últimas 24 horas 215 mortes provocadas pela Covid-19 e 12.155 novos casos confirmados de infeção, o que representa uma redução significativa face aos números de sábado, segundo dados do Governo britânico.

18h59 - Angola com 16 novos casos e um morto. Angola reportou hoje 16 novos casos de Covid-19, o número mais baixo desde 7 de setembro, mas que contabiliza apenas dados relativos a Luanda, e um morto, anunciaram as autoridades sanitárias.

18h31 - Empresas podem negar trabalho a quem não se quiser vacinar. A presidente do Comité Económico e Social Europeu (CESE), Christa Schweng, admitiu, numa entrevista, a possibilidade de uma empresa se negar a contratar um trabalhador que se recuse a ser vacinado contra a covid-19. "Como empresário, posso decidir com quem assino um contrato", afirmou.

18h25 - Fauci diz que "vai demorar meses" até crianças receberem vacina. O diretor do instituto norte-americano de Alergias e Doenças Infeciosas referiu que ainda vão ter de ser realizados testes clínicos específicos para determinar se as vacinas contra o novo vírus têm o mesmo efeito nos mais novos.

"A razão prende-se com o facto de, tradicionalmente, quando se cria uma nova vacina, querer-se ter a certeza de que existe um grau de eficácia e segurança estabelecido na população adulta, antes de submeter a uma população mais vulnerável como é o caso das crianças e das mulheres grávidas", explicou.

17h45 - Ministra da Defesa da Áustria em isolamento depois de infetada. A ministra da Defesa da Áustria, a conservadora Klaudia Tanner, testou positivo para o novo coronavírus, estando por isso em quarentena domiciliária a partir de hoje, noticiou a agência de informação austríaca, citada pela espanhola Efe.

17h27 - Itália com 20.648 novos casos e 541 mortes nas últimas 24 horas. A Itália registou 20.648 novos casos e 541 mortes nas últimas 24 horas, números inferiores aos de sábado, e três regiões, incluindo a Lombardia, saíram da zona vermelha que impunha o confinamento.

17h06 - Surto em lar de Serpa com 13 utentes e três funcionários infetados. Um novo surto de covid-19 foi detetado no lar da Santa Casa da Misericórdia de Serpa, no distrito de Beja, com treze utentes e três funcionários infetados, revelou hoje o presidente da câmara municipal.

17h02 - Anthony Fauci prevê "explosão" de casos após Ação de Graças. O epidemiologista norte-americano Anthony Fauci alertou hoje para um forte aumento do número de contaminações por Covid-19, após o feriado de Ação de Graças, marcado pelo movimento de milhões de pessoas em todo o país.

16h32 - Agrupamento de Escolas de Moncorvo com 8 casos e 60 alunos em isolamento. O Agrupamento de Escolas de Torre de Moncorvo (AETM), no distrito de Bragança, registou oito casos de infeção provocada pelo SARS-CoV-2 e tem cerca de 60 alunos em isolamento profilático, disse hoje o diretor do agrupamento à agência Lusa.

16h18 - Primeiro-ministro croata em quarentena depois de a mulher testar positivo. O primeiro-ministro da Croácia, Andrej Plenkovic, está em quarentena depois de a sua mulher ter testado positivo para o novo coronavírus, segundo o portal croata Index.

16h00 - Moderna fornecerá dois milhões de vacinas adicionais ao Reino Unido. A empresa norte-americana de biotecnologia Moderna anunciou hoje que chegou a um acordo para fornecer dois milhões de doses adicionais de sua vacina contra o coronavírus ao Reino Unido, elevando o total para sete milhões.

15h56 - Bombeiros de Évora com 6 infetados. Serviço assegurado pelos restantes. Seis bombeiros da corporação de Évora estão infetados com o vírus da Covid-19 e encontram-se em quarentena, estando o serviço a ser assegurado pelos restantes que fizeram teste com resultado negativo, disse hoje o comandante.

15h43 - Chile soma hoje 1.489 novos casos e taxa de positividade cai para 3,5%. O Chile, onde a pandemia terá estabilizado, registou hoje 1.489 novos casos de infeção com o novo coronavírus e 34 mortes, elevando o saldo total desde março para 550.430 infetados e 15.356 mortos.

14h57 - Surto em lar de Alcains. O número de utentes infetados com Covid-19 num lar em Alcains, no concelho de Castelo Branco, aumentou para 81, afirmou hoje à agência Lusa o presidente da câmara, José Augusto Alves.

14h36 - Novo máximo de doentes em cuidados intensivos. Portugal tem hoje 536 doentes com Covid-19 internados em unidades de cuidados intensivos (UCI), um novo máximo desde o início da pandemia, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

14h19 - Atualização em Portugal. Portugal regista, este domingo, mais 64 vítimas mortais e 4.093 novos casos de Covid-19, como revela a Direção-Geral da Saúde. Em termos acumulados, o país contabiliza 4.427 mortes e 294.799 casos confirmados da doença provocada pelo novo coronavírus.

14h08 - SNS Portugal no Twitter. "Idosos são prioridade na vacinação e sem limite de idade", garante Governo.

14h01 - República Checa reabre comércio e restaurantes na quinta-feira. A República Checa, um dos países da União Europeia com maior incidência de contágios diários no âmbito da segunda vaga da pandemia de covid-19, vai reabrir o comércio, restaurantes, bares e locais de lazer, anunciou o Governo.

13h56 - Empresários em greve de fome na AR só saem com solução "ou de ambulância". O grupo de nove empresários da restauração e discotecas que cumpre hoje o terceiro dia de greve de fome garantiu que só sai da frente da Assembleia da República quando o Governo apresentar uma solução, ou então "de ambulância".

13h18 - Boris promete fim de novas medidas em fevereiro. O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, prometeu levantar em fevereiro as novas restrições contra a pandemia que deverão entrar em vigor na quarta-feira, segundo uma carta enviada aos contestatários e hoje divulgada.

13h08 - Atualização nos Açores. As 1.566 análises realizadas nos dois laboratórios de referência da Região dos Açores nas últimas 24 horas diagnosticaram 34 novos casos positivos para covid-19 em São Miguel e Terceira, ilha onde foi extinta uma cadeia de transmissão local.

13h07 - Atualização no mundo. A pandemia de covid-19 fez pelo menos 1.453.074 mortos em todo o mundo desde que a doença foi descoberta em dezembro na China, revela hoje o balanço diário feito agência France-Presse (AFP) com base em fontes oficiais.

13h02 - "A melhor forma de agradecer aos profissionais de saúde é fazer a nossa parte". Esta mensagem parte, este domingo, da Direção-Geral da Saúde. Fique com vídeo.

13h00 - Alemanha pagou 10 mil milhões a mais em ajudas. O estado alemão pagou 10 mil milhões de euros a mais em ajudas a empresas afetadas pelas restrições devido à pandemia de covid-19.

12h31 - Detenções na Bélgica. A polícia belga deteve 20 pessoas no sábado à noite, em Liège, após uma marcha de cerca de 500 manifestantes contra o recolher obrigatório introduzido para conter a pandemia covid-19.

12h24 - Hospital de Évora. Cinco doentes internados no hospital de Évora e dois profissionais de saúde estão infetados pelo vírus que provoca a Covid-19, o que levou à suspensão temporária dos internamentos e altas em dois serviços, informou hoje a unidade hospitalar.

12h19 - GNR recorda. Na rede social Twitter, a Guarda Nacional Republicana lembra que é importante evitar os convívios para travar a propagação da Covid-19.

12h16 - Covid-19 é pretexto para "vomitar ódio" contra PCP. O dirigente comunista Francisco Lopes atacou hoje quem criticou a realização do congresso do PCP com o país em estado de emergência, considerando que essas vozes são "carrascos da democracia" que "vomitam ódio" contra o seu partido.

12h13 - De forma original, o Ministério da Saúde espanhol lembra, na rede social Twitter que, independentemente do local onde vá, é importante manter a distância de segurança.

12h08 - Uma mulher de Singapura, que estava grávida quando ficou infetada com Covid-19, em março, deu à luz um bebé não com a doença, mas com anticorpos.

11h26 - Atualização parcial em Espanha. A Catalunha registou mais 1.162 novas infeções por coronavírus nas últimas 24 horas e relatou mais 33 mortes pela doença, enquanto a velocidade de propagação do vírus (Rt) aumentou para 0,77.

10h55 - Atualização em África - A África registou 252 mortes devido à covid-19 nas últimas 24 horas, contabilizando 51.481 óbitos causados pelo novo coronavírus, que já infetou 2.150.439 pessoas, mais 13.899 novos casos.

10h41 - O tecido pulmonar de pacientes que sofreram de COVID-19 de forma grave mostra uma boa recuperação na maioria dos casos. A conclusão é de um estudo conduzido pelo Radboud University Medical Center, que agora foi publicado na revista 'Clinical Infectious Diseases'.

10h12 - Diretores e professores exaustos. Sem parar desde março, alguns diretores sentem-se exaustos e ponderam abandonar o cargo que os obriga a estar alerta 24 horas por dia para garantir o funcionamento, em segurança, das escolas durante a pandemia de Covid-19.

10h11 - Ljubomir em greve de fome. Lubomir Stanisic voltou a juntar-se ao movimento 'A Pão e Água' para mais um protesto onde luta pelos direitos do setor da restauração. Ao lado de outros oito empresários, o famoso chef instalou-se esta sexta-feira diante da Assembleia da República para iniciar uma greve de fome.

09h32 - Pandemia (também) teve impacto nos mercados de Natal. Alguns mercados, por exemplo, na Alemanha, foram cancelados. Já em Espanha, as luzes voltaram a acender, mas com uma nova dinâmica devido à pandemia de Covid-19.

Notícias ao Minuto Mercado de Natal em Espanha© Getty Images

08h57 - A Câmara de Braga divulgou um vídeo onde apela ao estímulo do comércio local, que tem sido severamente afetado pela pandemia.

07h48 - Viagens no Natal. As viagens na União Europeia (UE) durante o Natal e fim de ano terão "pouco impacto" na propagação da Covid-19, devido à "transmissão interna significativa" nos países, segundo o Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC).

07h45 - Atualização na Alemanha. De acordo com os dados revelados pelo Instituto Robert Koch (RKI) na manhã deste domingo, a Alemanha registou, nas últimas 24 horas, 14.611 novos casos de infeção por Covid-19, num total de 1.042.700 infetados desde o início da pandemia.

07h30 - Relaxar regras no Natal? O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) avisa que o relaxamento total das restrições para a Covid-19 no Natal irá provocar um aumento dos internamentos na "primeira semana de janeiro", e pede limitações aos ajuntamentos.

07h09 - Portugal terá "níveis muito baixos". O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) estima que, se Portugal mantiver as restrições adotadas atualmente, irá registar em dezembro "níveis muito baixos" de novos casos de Covid-19, seguidos de menos admissões hospitalares e mortes.

07h03 - Atualização na Índia. A Índia registou 496 mortos por Covid-19 e 41.810 casos da doença nas últimas 24 horas, segundo os dados do Ministério da Saúde indiano.

06h22 - Atualização no México. O México registou 586 mortos devido à Covid-19 e 10.008 infetados com a doença, nas últimas 24 horas, disseram as autoridades.

06h08 - Atualização na China. A Comissão de Saúde da China anunciou hoje ter identificado 11 casos de Covid-19, nas últimas 24 horas, todos oriundos do exterior.

Recorde aqui as últimas atualizações sobre a Covid-19 no país e no mundo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório