Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 15º

Edição

Covid-19: Angola com 16 novos casos e um morto

Angola reportou hoje 16 novos casos de covid-19, o número mais baixo desde 07 de setembro, mas que contabiliza apenas dados relativos a Luanda, e um morto, anunciaram as autoridades sanitárias.

Covid-19: Angola com 16 novos casos e um morto
Notícias ao Minuto

18:59 - 29/11/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Segundo o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, as infeções foram diagnosticadas em Luanda, não tendo sido reportados dados das restantes 17 províncias.

Nos 16 casos, as idades variam entre 1 e 68 anos, sendo 11 do sexo masculino e cinco do sexo feminino.

Foi registado mais um óbito, um angolano de 57 anos, e não houve qualquer doente recuperado.

Franco Mufinda aconselhou a população a permanecer em casa, tendo em vista a redução da propagação da doença. Em casos excecionais, como a necessidade de cuidados médicos, deverá ser procurada uma unidade de saúde.

O secretário de Estado apelou ainda para que as crianças menores de 5 anos sejam vacinadas contra a pólio, durante a campanha de vacinação que vai decorrer entre 04 e 12 de dezembro em Luanda, Cuanza Norte e Cuanza Sul.

Com o balanço epidemiológico hoje divulgado, Angola regista um total de 15.103 casos, com 346 óbitos, 7.763 recuperados e 6.994 ativos, incluindo seis críticos e 16 graves.

Os laboratórios angolanos processaram 2.300 amostras nas últimas 24 horas, num total acumulado de 234.610 testes.

A taxa de positividade diária é de 0,7% e a taxa cumulativa de 6,4%.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,4 milhões de mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 4.427 em Portugal.

Em África, há 51.481 mortos confirmados em mais de 2,1 milhões de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Angola regista 346 óbitos e 15.103 casos, seguindo-se Moçambique (129 mortos e 15.586 casos), Cabo Verde (105 mortos e 10.700 casos), Guiné Equatorial (85 mortos e 5.146 casos), Guiné-Bissau (43 mortos e 2.422 casos) e São Tomé e Príncipe (17 mortos e 985 casos).

O Brasil é o país lusófono mais afetado pela pandemia e um dos mais atingidos no mundo, ao contabilizar o segundo maior número de mortos (quase 6,3 milhões de casos e 172.561 óbitos), depois dos Estados Unidos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório