Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Sudeste da Índia prepara-se para chegada de ciclone Nivar

As autoridades das Índia anunciaram hoje restrições a viagens e mobilizaram mais de mil elementos de equipas de socorro devido à aproximação de um ciclone a costa sudeste do país.

Sudeste da Índia prepara-se para chegada de ciclone Nivar
Notícias ao Minuto

18:37 - 24/11/20 por Lusa

Mundo Índia

O ciclone Nivar deve cruzar as costas dos Estado de Tâmil Nadu e o território de Pondicherry na noite de quarta-feira como uma "tempestade tropical muito forte", de acordo com o Departamento Meteorológico Indiano (IMD), com a terceira categoria de intensidade da escala.

Parte de Andhra Pradesh, localizada a norte de Tâmil Nadu, também deve ser afetada pelo ciclone.

"Vai aumentar lentamente, talvez esta noite ou amanhã [quarta-feira], e vai transformar-se numa tempestade tropical muito forte com ventos até 120 quilómetros por hora e rajadas de até 145 quilómetros por hora", afirmou o diretor-geral do IMD, Mrutyunjay Mohapatra, em conferência de imprensa realizada em Nova Deli.

Também são esperadas chuvas fortes na região, acrescentou.

Mais de mil membros da Força Nacional de Resposta a Desastres (NDRF) foram destacados para as regiões afetadas para ajudar as autoridades locais em caso de evacuações.

Em Tâmil Nadu, foi declarado feriado na quarta-feira, decisão que pode ser prolongada, de acordo com as autoridades.

No território de Pondicherry, as reuniões públicas estão proibidas desde esta noite até quinta-feira de manhã e a maioria das lojas, as que prestam serviços essenciais como farmácias ou postos de gasolina, têm de permanecer fechadas até que o ciclone passe.

No início de quarta-feira, o centro do ciclone deve passar a cerca de 175 quilómetros a nordeste da cidade costeira mais a norte do Sri Lanka, Kankesanthurai, antes de recuar gradualmente, de acordo com os serviços meteorológicos do Sri Lanka.

Os pescadores dessa área foram instruídos a não sair para o mar na quarta-feira. O Sri Lanka não deu nenhuma ordem de evacuação, mas avisou os residentes sobre fortes chuvas nas próximas 24 horas, especialmente no norte da ilha.

Em maio, mais de 110 pessoas morreram na passagem do poderoso ciclone Amphan pelo leste da Índia e Bangladesh, que também também causou grandes danos materiais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório