Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2020
Tempo
17º
MIN 10º MÁX 19º

Edição

AO MINUTO: Números no Brasil descem. Itália vai apertar medidas

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Números no Brasil descem. Itália vai apertar medidas

O número de novos casos em Portugal é, há quatro dias consecutivos, acima dos dois mil, sendo que na sexta-feira, o país registou o valor diário de casos mais alto desde o início da pandemia, com a notificação de 2.608 novos casos de infeção.

No total, Portugal contabiliza 99.911 casos confirmados e 2.181 vítimas mortais, sendo que 1.856 contágios e 19 óbitos ocorreram nas últimas 24 horas.

São vários os países europeus que lutam contra um aumento no número de novos casos, como é o caso de Alemanha e Itália que, este sábado, voltaram a superar o recorde diário de novos casos.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

00h00 - Este registo chegou ao fim, mas será retomado um novo na manhã desta segunda-feira. Mantenha-se em segurança e caso tenha sintomas, contacte as linhas da Saúde 24.

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

23h49 - O Ministério da Saúde brasileiro anunciou este domingo que se verificaram mais 10.982 casos positivos de coronavírus e morreram mais 230 pessoas em 24 horas. Ambos os dados caem para metade face aos números divulgados este sábado (24.062 casos divulgados e 461 vítimas mortais). Em termos globais, o Brasil soma 5.235.344 casos confirmados e 153.905 mortes. 

23h14 - Itália vai adotar novas medidas para travar a covid-19, como o alargamento do teletrabalho e restrições ao funcionamento de bares e restaurantes, anunciou hoje o primeiro-ministro, no dia em que o país registou novo recorde de infeções. Segundo Giuseppe Conte, as medidas permitirão "enfrentar a nova vaga de contágios que atinge severamente a Itália e a Europa".

22h53 - O plano de contingência da escola Bartolomeu Perestrelo, no Funchal, foi ativado porque um aluno teve hoje resultado positivo num teste para a Covid-19, informou o Governo da Madeira. 

22h09 - O ministro da Saúde da África do Sul anunciou hoje que fez um teste com resultado positivo para o novo coronavírus, sendo o quinto governante a contrair a doença num país que já ultrapassou os 700 mil casos. O ministro Zweli Mkhize é o quinto governante sul-africano a ficar infetado, depois dos colegas do Comércio, Trabalho, Recursos Minerais e Defesa.

20h39 - A Madeira registou hoje sete novos casos positivos de Covid-19, entre os quais um primeiro em contexto escolar, de um jovem com 31 contactos identificados. A região totaliza 101 doentes ativos, informou a autoridade regional de saúde.

20h37 - O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) está a dar orientações aos seus associados para que, em protesto contra o "excesso de tarefas" decorrentes da Covid-19, apresentem às chefias uma declaração de exclusão de responsabilidades de erros clínicos.

19h51 - O Governo de Itália aprovou hoje em Conselho de Ministros um orçamento retificativo que disponibiliza 39 mil milhões de euros para mitigar o impacto da pandemia de covid-19, que já fez mais de 36.500 mortes no país. "O principal objetivo é dar um impulso decisivo na recuperação da economia, apoiando o investimento, a educação, a ajuda social, e reduzindo os impostos sobre o trabalho e as empresas", anunciou o ministro da Economia, Roberto Gualtieri, numa publicação no Facebook.

19h29 - França detetou, no espaço de 24 horas, 29.837 novos casos de coronavírus, uma ligeira diminuição face aos 32.427 casos reportados este sábado. O país vai ultrapassar amanhã a marca dos 900 mil infetados, uma vez que totaliza nesta altura 897.034 contágios. Desde ontem morreram mais 85 pessoas, o que aumentou para 33.477 o número acumulado de vítimas mortais em solo francês. 

18h34 - Um homem de 66 anos que foi infetado no surto de novo coronavírus no lar de Salto, no concelho de Montalegre, morreu hoje no hospital de Vila Real, disse fonte da instituição. Tratava-se de um dos infetados no surto que atingiu a instituição, mas que sofria também de outras patologias. O utente estava institucionalizado há cerca de 20 anos naquele lar.

17h47 - Itália registou este domingo um novo recorde diário de casos. A proteção civil indicou que no espaço de 24 horas foram identificados 11.705 novos casos de coronavírus. No mesmo período de tempo morreram mais 69 pessoas. No total, Itália soma 414.241 casos positivos e 36.543 vítimas mortais. 

17h41 - O continente europeu ultrapassou hoje as 250 mil mortes devido à pandemia de covid-19, havendo mais de 43.600 óbitos no Reino Unido, de acordo com uma contabilização feita hoje pela AFP. De acordo com a agência de notícias francesa, a Europa registou 250.030 mortes por covid-19 até às 16h30 de Lisboa, numa lista onde o Reino Unido lidera, com 43.646 óbitos em 722.409 infeções, seguida de Itália, com 36.543 mortes em 414.241 casos, e da Espanha, com 33,775 óbitos em 936.560 infeções.

16h32 - Pelo segundo dia consecutivo o Reino Unido voltou a registar perto de 17 mil casos de coronavírus, de acordo com os dados divulgados pelo Departamento de Assistência e Saúde britânico. Nas últimas 24 horas foram diagnosticados 16.982 novos contágios e mais 67 óbitos. Em termos acumulados, o Reino Unido contabiliza 722.409 casos confirmados e 43.646 vítimas mortais. 

16h22 -  A ministra do Estado e da Administração Pública, recusou, este domingo, numa entrevista entrevista ao programa Conversa Capital, da Antena 1 e do Jornal de Negócios, revelar se tinha ou não instalado a aplicação para o telemóvel StayAway Covid, cujo uso o Governo quer tornar obrigatório. Questionada sobre se todos os membros do Governo, incluindo a própria, tinham a app instalada, recusou-se a responder. "Se todos os membros já têm ou não... relativamente a mim, em concreto, com toda a simpatia, vou declinar responder a essa pergunta. Porque acho que é uma questão do foro pessoal e que não deve ser escrutinado publicamente se A ou B têm a aplicação. Portanto, em coerência, não vou responder", referiu Alexandra Leitão.

15h57 - Guias Turísticos dos Açores "abandonados à sua sorte". A Associação de Guias de Informação Turística dos Açores (AGITA) enviou uma carta aberta ao Governo Regional e aos deputados, através da qual alertam para a "grave" situação destes profissionais que se sentem "discriminados e abandonados à sua sorte".

15h55 - Nove casos nas últimas 24 horas em São Miguel, Açores. No seu comunicado diário, Autoridade de Saúde Regional acrescenta que foram realizadas, nas últimas 24 horas, 1.179 análises nos dois laboratórios de referência da Região, localizados nas ilhas de São Miguel e Terceira.

15h52 - Responsável palestiniano hospitalizado em Israel. O secretário-geral da Organização de Libertação da Palestina (OLP), Saeb Erekat, foi transportado hoje para um hospital israelita em Telavive devido à Covid-19.

15h18 - Suíça declara obrigatório uso de máscara em locais públicos fechados. O Governo federal da Suíça anunciou hoje que o uso de máscara em locais públicos fechados passa a ser obrigatório a partir de segunda-feira, uma das medidas para conter o crescimento "exponencial" da pandemia de Covid-19 naquele país.

14h38 Quatro utentes e duas cuidadoras infetadas em lar da Misericórdia da Trofa. Quatro utentes e duas cuidadoras do lar da Santa Casa da Misericórdia da Trofa tiveram teste positivo para o novo coronavírus e encontram-se todos em isolamento profilático, disse hoje à agência Lusa a diretora técnica da instituição, Zélia Reis.

14h37 Mais de 1,1 milhões de mortos e 40 milhões de infetados. A pandemia de Covid-19 matou pelo menos 1.111.152 pessoas e infetou quase 40 milhões em todo o mundo desde dezembro de 2019, segundo um levantamento feito pela agência France Presse (AFP).

14h36Estudo em casa regressa com bloco de orientação para o trabalho autónomo. O Ministério da Educação relança na segunda-feira na RTP o Estudo em Casa para o ano letivo 2020/2021 e com um novo bloco de ensino para orientar para o trabalho autónomo, anunciou hoje o Governo.

14h11 - Menos casos diários, mas mais internados e mais óbitos. Portugal registou hoje mais uma descida no número diário de novos casos (1.856, na véspera foram 2.153), que estava acima dos dois mil há quatro dias. O número de doentes hospitalizados, porém, voltou a subir, depois de ontem ter diminuído em 1 internamento. Hoje são contabilizados 1.086 pacientes internados (mais 72 do que na véspera e o maior aumento deste valor desde 16 de abril. Também voltou a aumentar o número diário de óbitos, que hoje é de 19 (ontem foram notificadas 13 mortes).

14h07 - Portugal notifica mais 1.856 novos casos de Covid-19 e mais 19 mortes. O relatório da situação epidemiológica divulgado este domingo pela Direção-geral de Saúde (DGS) indica que Portugal registou 1.856 novos casos (um aumento de 1,89%) e 19 mortes (uma variação de 0,88%) nas últimas 24 horas. Com esta atualização, o total acumulado de casos confirmados sobe para 99.911 e o de vítimas mortais para 2.181.

13h54 - Sobe para 107 o número de infetados em lar de Beja. A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA) informou hoje que subiu para 107 o número de resultados positivos à Covid-19 entre utentes e funcionários do lar de idosos Mansão de São José, em Beja.

13h52 - África com mais 14.293 infetados nas últimas 24 horas. África atingiu hoje um total de 39.559 mortes devido à Covid-19, corrigindo em baixa dados da Argélia divulgados no dia anterior, e elevando em 14.293 o número de infetados, segundo os dados relativos à pandemia no continente.

12h20 - Estudo revela que vírus permanece ativo na pele por nove horas. Um estudo elaborado por pesquisadores japoneses revelou que o coronavírus SARS-CoV-2 permanece ativo na pele por nove horas, confirmando assim a necessidade de lavar as mãos com frequência para combater a pandemia de Covid-19.

"A sobrevivência de nove horas do SARS-CoV-2 (a estirpe do vírus que causa a doença covid-19) na pele humana pode aumentar o risco de transmissão por contacto em comparação com o IAV (vírus da influenza A ou influenza A), acelerando assim a pandemia", dizem os autores do estudo.

11h29 - Mais do que uma vacina contra o novo coronavírus estará disponível no primeiro trimestre de 2021, disse, este domingo, um consultor científico do governo britânico à Sky News. Jeremy Farrar, que é membro do Grupo de Aconselhamento Científico para Emergências [SAGE], disse: "Acho que no primeiro trimestre do próximo ano vamos ter vacinas - mais do que uma vacina". 

O consultor disse esperar mais informação sobre as potenciais vacinas em novembro e dezembro, apontando que o Reino Unido tem um "portfólio" de opções. 

10h15 - Ordem dos Médicos contra obrigatoriedade da 'app' StayAway Covid. A Ordem dos Médicos está contra a obrigatoriedade da instalação da aplicação StayAway Covid por não existir evidência científica de que a sua utilização contribua para a diminuição da incidência de Covid-19.

Recorde-se que o Governo entregou esta semana no parlamento uma proposta de lei para que seja obrigatório quer o uso de máscara na via pública quer a utilização da aplicação StayAway Covid em contexto laboral, escolar, académico, bem como nas Forças Armadas, Forças de Segurança e na administração pública, tendo a obrigatoriedade da 'app' gerado uma onda de críticas.

10h05 - "Preocupante transmissão comunitária" no Tâmega, com 944 casos em 7 dias. Nos últimos sete dias foram registados 944 novos casos de infeção pelo novo coronavírus em Felgueiras (155), Lousada (229) e Paços de Ferreira (560). Este aumento de casos levou o Agrupamento de Centros de Saúde (ACeS) Tâmega III - que abrange os três concelhos - a emitir um alerta à população.

10h00 - Alemanha reporta 5.587 novos casos de Covid-19 e mais 10 mortes. O número de casos reportado hoje é inferior ao de ontem, em que o país superou o recorde diário de novos casos pelo 3.º dia consecutivo, com 7.830 contágios em 24 horas. 

Contudo, esta diminuição já é habitual, uma vez que nem todas as autoridades de saúde transmitem os dados ao RKI ao fim de semana, o que leva a que seja reportado um menor número de casos ao domingo e à segunda-feira.

09h42 - Criadores britânicos optam por perus mais pequenos para o Natal. A restrição do número de pessoas à mesa neste Natal, devido à pandemia, levou alguns criadores britânicos a preferir espécies mais pequenas de perus, para responder à procura de aves de menor porte.

07h40 - As novas restrições impostas em França, incluindo o recolher obrigatório, entraram em vigor este sábado e deixaram as ruas de Paris e outras oito cidades francesas completamente vazias. O agravamento dos números levou o Governo francês a decidir, em 14 de outubro, um recolher obrigatório - das 21h00 às 06h00 - na região de Paris e em outras oito áreas metropolitanas do país.

Notícias ao Minuto© reutersNotícias ao Minuto© reuters

07h32 - Proibido casamento judaico em Nova Iorque que ia juntar 10.000 convidados. As autoridades de saúde de Nova Iorque proibiram, por causa da Covid-19, a celebração de um casamento na tradição dos judeus ortodoxos, previsto para segunda-feira, que poderia juntar até 10 mil convidados.

07h31 - Nova Zelândia com novo caso após anunciar derrota do vírus. A Nova Zelândia diagnosticou um novo caso de Covid-19 nas últimas 24 horas, informaram as autoridades, duas semanas após a primeira-ministra Jacinda Ardern ter dito estar satisfeita por o seu país ter "derrotado novamente o vírus".

07h29 - Hospital Amadora-Sintra constrói nova UCI que deverá abrir em dezembro. O Hospital Fernando da Fonseca (Amadora-Sintra) vai construir uma nova Unidade de Cuidados Intensivos para reforçar a sua resposta no contexto da pandemia Covid-19, uma obra orçada em 801.900 euros e que deverá entrar em funcionamento em dezembro.

07h24 - Fique a par dos dados que foram conhecidos durante a noite:

  • Estados Unidos com 701 mortos e 59.740 casos nas últimas 24 horas. Desde o início da pandemia, o país totalizou 8.100.662 infeções e 219.156 óbitos, segundo os números contabilizados pela universidade norte-americana, sediada em Baltimore (leste), até às 20h00 de sábado (01h00 de hoje em Lisboa). Os Estados Unidos são o país com mais mortos e também com mais casos de infeção confirmados.
  • Índia com 1.033 mortos e 61.871 casos nas últimas 24 horas. Desde que a pandemia chegou ao país, a Índia diagnosticou mais de 7,4 milhões de infeções (7.494.551), que provocaram 114.031 mortes.
  • Colômbia regista mais 187 mortes e 7.017 novos casos. As infeções nesta país, desde o início da pandemia, totalizam agora as 952.371, enquanto as mortes resultantes da Covid-19 atingiram as 28.803.
  • China regista 13 novos casos importados. Os 13 casos 'importados' registados nas últimas 24 horas foram diagnosticados em Xangai (5), Cantão (4), Shaanxi (2), Tianjin (1) e Sichuan (1). As autoridades disseram que, nas últimas 24 horas, 20 pacientes receberam alta, pelo que o número de pessoas infetadas ativas no país asiático se fixou em 252, entre os quais cinco em estado grave.

Bom dia. Iniciámos um novo registo. Recorde o anterior aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório