Meteorologia

  • 27 SETEMBRO 2020
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 24º

Edição

AO MINUTO: "Vamos piorar antes de melhorar"; Mais 425 casos e 4 mortes

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: "Vamos piorar antes de melhorar"; Mais 425 casos e 4 mortes

Portugal está, desde a meia-noite desta terça-feira, em estado de contingência. Esta foi a medida implementada pelo Governo para fazer à face à pandemia de Covid-19, numa altura em que muitos portugueses começam a retomar a normalidade das suas vidas, nomeadamente, com o regresso às aulas e ao trabalho.

O regime da situação de contingência vigora agora em todo o país e vai prolongar-se até às 23:59 de 30 de setembro. A decisão acontece, também, numa altura em que se regista o aumento de novos casos diários de contágio da doença. Esta segunda-feira, por exemplo, contabilizaram-se mais quatro mortos e 613 novos casos de infeção.

Lá fora, a China, país onde tudo começou, está há 30 dias consecutivos sem registar infeções locais de covid-19. Há neste momento, apenas 142 casos de Covid-19 ativos no país.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

15h07 - Este registo termina aqui. Continue a acompanhar AQUI os principais desenvolvimentos, desta terça-feira, sobre a pandemia da Covid-19 em Portugal e no mundo. 

15h03 - A Alemanha anunciou hoje que vai financiar em até 750 milhões de euros três empresas farmacêuticas do país que estão a desenvolver vacinas contra o novo coronavírus.

14h46 - Carlos Silva apela à fiscalização aos "direitos de quem trabalha", de modo a que seja feito um trabalho de "vigilância e escrutínio", no regime que o Governo vai aplicar em Lisboa e no Porto para controlar a pandemia, no que diz respeito ao desfasamento de horários. A "UGT vai solicitar a todos os seus sindicatos", que informem as suas delegações para ser feito um trabalho de "vigiância e escrutínio" do "comportamento que as empresas" vão ter.

14h35 -  Em Espanha, empresários e trabalhadores de negócios noturnos exigem que o ministério da Saúde retire a sua última campanha de sensibilização para a Covid-19 - 'Isto não é um jogo' - a qual atribui às atividades noturnas a responsabilidade pelo aumento de infeções e mortes por Covid-19, noticia a EFE.

14h30 - No Reino Unido, um homem foi filmado a viajar num autocarro com uma cobra ao pescoço. Quem assistiu à cena diz que este estava a usar o réptil como máscara de proteção, naquela que terá sido uma provocação às medidas de proteção contra a Covid-19. Assista ao momento aqui.

14h15 - O Metropolitano de Lisboa registou uma quebra na procura de 59%, entre junho e agosto, em relação ao mesmo período de 2019, devido ao contexto pandémico, contabilizando menos 24,7 milhões de passageiros.

14h05 - Portugal regista, esta terça-feira, mais 425 casos de Covid-19 e 4 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção Geral de Saúde.  Do início da pandemia até esta terça-feira, 15 de setembro, o país acumula 1.875 mortes e 65.021 infetados com o vírus SARS-CoV-2

13h50 - Adalberto Campos Fernandes, ex-ministro da Saúde, considera que estamos a entrar numa semana "decisiva" na situação epidemiológica com a reabertura das escolas. No entender do especialista em saúde pública, "para minorar as dinâmicas de transmissão poderíamos ter evitado alguns eventos suscetíveis de adiamento (independentemente da sua natureza política, cultural ou religiosa)". Este afirma, ainda, que "para evitar confinamentos insuportáveis há que refletir serenamente".

13h25 - No Reino Unido, e três meses após o seu nascimento, as primeiras gémeas a contraírem Covid-19 receberam alta e estão a caminho de casa. Conheça a sua história destas pequenas lutadoras aqui.

Notícias ao MinutoKenna e Lissa Curtis© Reprodução Mirror

12h25 - No fim da apresentação de Costa e Silva, o primeiro-ministro sublinhou que este plano vai exigir " um esforço que temos de fazer em marcha acelerada, porque há um calendário e esse obriga-nos, até ao dia 15 de outubro, apresentar na Comissão Europeia o primeiro 'draft' do que deve ser o programa de recuperação e resiliência para Portugal".

12h15 - António Costa Silva disse hoje que a recuperação da economia "vai ser lenta" e que a situação do país devido à pandemia de Covid-19 "ainda vai piorar antes de começar a melhorar". 

"Não vamos ter ilusões, nós vamos ter empresas que não vão aguentar no decurso desta pandemia", reforçou o gestor. Segundo disse, a crise pandémica "está na ponta do icebergue", mas em baixo está a crise ambiental e climática "gravíssima", disse o gestor convidado pelo primeiro-ministro para realizar este plano.

12h00 - O Ministério da Saúde da África do Sul estima que o número real de infetados com a covid-19 no país seja de 12 milhões, cerca de 20% da população, apesar de o número oficial ser 650.749.

11h52 - O virologista Pedro Simas sublinhou a importância do regresso às aulas presenciais, apesar de o mundo estar ainda a lutar contra a pandemia da Covid-19, durante uma entrevista dada, na noite desta segunda-feira, ao programa Polígrafo, na SIC Notícias.  “O regresso às aulas é fundamental e necessário” e Portugal tem “as ferramentas para prevenir uma disseminação descontrolada”, defendeu.

11h31 - O setor do turismo manteve a tendência de recuperação em julho, de acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), esta terça-feira. O setor do alojamento turístico registou um milhão de hóspedes e 2,6 milhões de dormidas em julho de 2020, o que significa, contudo, quedas de 64% e 68,1%, respetivamente.

11h20 - O Governo dos Açores anunciou hoje a prorrogação até 1 de outubro da situação de calamidade pública, devido à pandemia de covid-19, nas cinco ilhas da região com ligação aérea ao exterior.

11h06 - A Rússia registou, nas últimas 24 horas, mais 5.529 casos de Covid-19 e 150 mortos. Dos novos infetados, 1.245 estão assintomáticos.

10h51 - O antigo dirigente dos sérvios da Bósnia, Momcilo Krajisnik, condenado por crimes de guerra por um tribunal internacional, morreu hoje devido ao novo coronavírus.

10h50 - A Autoridade de Saúde Regional dos Açores autorizou a presença de público nos recintos desportivos até 10% da lotação dos espaços, mediante o uso de máscara e distanciamento até dois metros entre os espetadores.

10h40 - África registou 170 mortos devido à covid-19 nas últimas 24 horas, num total de 32.795 mortes.  Segundo o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), nas últimas 24 horas registaram-se mais 6.441 novos casos de infeção, para um total de 1.359.724, mais de metade dos quais no norte de África

10h25 - A Alemanha regista, esta terça-feira, 1.407 novos casos de infeção por Covid-19. Há, ainda, a registar mais 12 mortes nas últimas 24 horas, segundo os dados do Instituto Robert Koch (RKI).

10h16 - Costa Silva já apresenta o plano para a recuperação, um documento com as prioridades para a saída da crise que será sobretudo financiado por fundos europeus. Acompanhe as medidas apresentadas aqui.

10h00 - Uma mulher de Gloucestershire, Reino Unido, sofreu queimaduras numa mão depois de ter desinfetado as mãos e momentos depois ter tendo queimar papel. Karen Brawn desinfetou as mãos depois de ter visitado uma loja e nunca pensou que isso poderia ter consequências desastrosas quando momentos depois decidiu queimar papel. A mulher partilhou imagens dos seus ferimentos para deixar um alerta.

09h30 - Bill Gates afirmou, em videoconferência, esta segunda-feira, que está confiante de que uma vacina contra o novo coronavírus estará disponível já em 2021. Contudo, refere que depois disso "a grande questão" será como disponibilizar a vacina aos mais necessitados. "Não deveriam ser os países ricos a vencer esta guerra", disse, citado pela CNBC.

09h10 - O Peru, a Costa Rica e o Chile foram os países onde o emprego diminuiu mais entre março e julho, na sequência da covid-19, refere um estudo da Câmara de Comércio de Santiago do Chile.

09h09 - Um especialista chinês defendeu que os cidadãos chineses podem começar a ser vacinados contra a covid-19, em novembro ou dezembro, uma vez que os testes clínicos decorrem sem contratempos.

08h50 - Um estudo do Amsterdam University Medical Centre, acredita que os doentes de Covid-19, que tenham vencido a doença, podem perder a sua imunidade no espaço de seis meses, podendo ser infetados todos os anos, tal como acontece com uma gripe normal, noticia o Mirror.

08h39 - A China colocou uma vila na fronteira com Myanmar (antiga Birmânia) sob quarentena e lançou uma campanha massiva de testes, após a descoberta de três casos de covid-19, anunciaram hoje as autoridades locais.

08h18 - Uma tosse nova e contínua, temperaturas altas e perda de paladar e de olfato estão entre os principais sintomas do novo coronavírus SARS-CoV-2. Mas o que é o que é uma tosse seca persistente? Confira aqui

08h00 - António Costa discursa hoje na sessão de balanço da consulta pública da "Visão Estratégica para o Plano de Recuperação 2020/2030", documento com as prioridades para a saída da crise e que será sobretudo financiado por fundos europeus.

07h50 - Pessoas diagnosticadas com apneia obstrutiva do sono, uma condição que implica ressonar intensamente, têm um maior risco de morrer de Covid-19, dizem médicos da Universidade de Warwick, no Reino Unido.

07h38 - O ensino à distância contribuiu para promover as plataformas educativas digitais e a utilização da Escola Virtual, mas os alunos continuaram a preferir a versão em papel dos manuais. Esta é a conclusão da Porto Editora que refere que 92% dos alunos continuaram a usar o manual em papel durante os mais de três meses de ensino a distância e apenas 48% recorreram, pelo menos uma vez, à versão digital.

06h52 - O Peru registou 102 mortes causadas pela covid-19, o número mais baixo em quase quatro meses, e 4.200 contágios nas últimas 24 horas

06h35 - A Índia registou nas últimas 24 horas o menor número diário de infeções com o novo coronavírus numa semana. Foram mais 83.809 infetados e 1.045 óbitos, totalizando 4,93 milhões de contágios e 80.776 mortos desde o início da pandemia.

06h31 - A Colômbia registou 199 mortes causadas pela covid-19 e 5.573 contágios na segunda-feira, quando se começa a registar uma descida dos números diários, indicaram as autoridades colombianas.

06h26 - As empresas de Lisboa e Porto vão poder alterar os horários de entrada e saída, organizando-os de forma desfasada, tendo apenas de consultar previamente os trabalhadores e representantes, havendo trabalhadores que não são obrigados a aceitar a mudança.

06h27 - Os Estados Unidos registaram 410 mortes causadas pela covid-19 e 34.714 infetados nas últimas 24 horas, de acordo com uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

06h25 - O México registou 228 mortes causadas pela covid-19 e 3.335 contágios nas últimas 24 horas.

06h02 - A China atingiu hoje 30 dias consecutivos sem registar infeções locais de covid-19, já que os oito casos diagnosticados nas últimas 24 horas são todos oriundos do exterior,

06h00 - O SNS comemora hoje 41 anos. O Presidente da República elogiou os profissionais de saúde e defendeu um reforço dos meios desta rede de estabelecimentos e serviços públicos. Marcelo Rebelo de Sousa saudou e agradeceu "aos profissionais de saúde que ao longo dos anos, e em particular neste tempo excecional da pandemia de covid-19, com grande dedicação e, muitas vezes, com enorme sacrifício pessoal e familiar, verdadeiros heróis como tem repetido, têm dedicado o melhor de si próprios a cuidar dos portugueses".

00h00 - Portugal Continental está desde as 00:00 de hoje em situação de contingência para fazer à face à pandemia de covid-19. As novas regras para conter a covid-19 passam por:

  • limitar as concentrações a 10 pessoas, salvo se pertencentes ao mesmo agregado familiar, na via pública e em estabelecimentos comerciais
  • proibir da venda de bebidas alcoólicas em áreas de serviço ou em postos de abastecimento de combustíveis
  • proibir da venda de bebidas alcoólicas nos estabelecimentos de comércio a retalho, incluindo supermercados e hipermercados, a partir das 20h00
  • proibir o consumo de bebidas alcoólicas na via pública, passando também a ser proibido beber álcool em espaços exteriores dos estabelecimentos de restauração e bebidas após as 20:00, salvo no âmbito do serviço de refeições.
  •  restaurantes, cafés e pastelarias a 300 metros das escolas vão estar limitados ao máximo de quatro pessoas por grupo, salvo se pertencentes ao mesmo agregado familiar, incluindo nas áreas de restauração dos centros comerciais 
  • os estabelecimentos comerciais só podem abrir a partir das 10:00, "com exceções como sejam pastelarias, cafés, cabeleireiros e ginásios", e o horário de encerramento é entre as 20:00 e as 23:00, por decisão municipal "em função da realidade específica" em cada concelho.
  • os restaurantes podem continuar abertos até à 01:00, podendo receber clientes até às 00:00 para refeições.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório