Meteorologia

  • 03 JULHO 2020
Tempo
22º
MIN 16º MÁX 26º

Edição

Pelo menos 50 trabalhadores dos transportes morreram no Reino Unido

Pelo menos 50 trabalhadores em empresas de transportes do Reino Unido morreram após contraírem covid-19, adiantou hoje o ministro dos Transportes britânico, Grant Schapps. 

Pelo menos 50 trabalhadores dos transportes morreram no Reino Unido
Notícias ao Minuto

18:16 - 12/05/20 por Lusa

Mundo Covid-19

O ministro disse que 42 trabalhavam na área metropolitana de Londres e 10 em companhias ferroviárias no resto do país, mas acrescentou que as mortes podem "não derivar necessariamente dos seus empregos".

"Não sabemos", afirmou. 

A atualização dos dados foi conhecida no dia em que o sindicato TSSA tornou público a morte de uma funcionária dos comboios vítima de um ataque, juntamente com um colega, de um homem que cuspiu sobre eles, alegando estar infetado com o novo coronavírus

Alguns dias depois, o médico de Belly Mujinga, de 47 anos, deu-lhe baixa por ter desenvolvido problemas respiratórios, mas os sintomas complicaram-se e a mulher morreu após a hospitalização e tratamento com ventilador. 

"Em vez de falar sobre o alívio do confinamento, o governo deve primeiro garantir que as devidas precauções e proteções são tomadas para que não sejam perdidas mais vidas", afirmou o dirigente sindical Manuel Cortes.

O governo britânico publicou na segunda-feira um plano com alterações ao regime de confinamento em vigor desde 23 de março, que dá maior liberdade para as pessoas saírem de casa e incentiva o regresso ao emprego de muitos trabalhadores a partir de quarta-feira.

Juntamente com o uso de máscaras ou proteções para a cara nos transportes públicos, o governo sugere que seja evitada a hora de ponta. 

Se viajarem em transportes congestionados, as pessoas devem "evitar o contacto físico, tentar virar de costas para as outras pessoas e manter o tempo que passado junto de outras pessoas o mais curto possível". 

A autoridade responsável pelos transportes de Londres Transport for London já introduziu medidas para proteger os motoristas, limitando, por exemplo, a entrada nos autocarros pela porta de trás, e introduzindo o uso de máscaras para todos funcionários. 

O Reino Unido é o país mais afetado pela pandemia covid-19 da Europa e o segundo a nível mundial depois dos EUA, com 32.692 mortes e 226.463 infetados, de acordo com o balanço feito hoje pelo ministério da Saúde britânico. 

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 286 mil mortos e infetou mais de 4,1 milhões de pessoas em 195 países e territórios.

Mais de 1,4 milhões de doentes foram considerados curados.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório