Meteorologia

  • 31 MAIO 2020
Tempo
27º
MIN 19º MÁX 29º

Edição

Nova Zelândia: Ministro da Saúde foi à praia em quarentena. "Fui idiota"

David Clark pôs o lugar à disposição. Primeira-ministra diz que manterá o cargo, mas "apenas" por causa da crise da pandemia.

Nova Zelândia: Ministro da Saúde foi à praia em quarentena. "Fui idiota"

O ministro da Saúde da Nova Zelândia apelidou-se de "idiota" depois de violar as ordens de confinamento para ir com a família à praia.

David Clark admitiu que fez uma viagem de 20 quilómetros, uma "clara violação dos princípios da quarentena", e apresentou a sua demissão à primeira-ministra neozelandesa, Jacinda Ardern [à direita, na imagem].

"Numa altura em que estamos a pedir ao neozelandeses para fazer sacrifícios históricos, deixei a equipa ficar mal. Fui um idiota e eu percebo porque é que as pessoas vão ficar zangadas comigo", admitiu, citado pela BBC.

Jacinda Ardern disse que, "em condições normais", Clark seria demitido, mas o país não está em condições normais. "Por essa razão, e apenas por essa razão, o ministro vai manter o cargo", indicou. "Não podemos ter agora uma perturbação enorme no setor da Saúde ou na nossa resposta", acrescentou.

O ministro perdeu, porém, a sua posição secundária na pasta das Finanças, por exemplo, entre outras "despromoções".

A Nova Zelândia impôs quarentena para todo o país (no estado mais grave, nível 4) no passado dia 25 de março. O pais conta com 1.160 casos de infeção e uma morte, em resultado da pandemia.

Esta notícia surge depois de, no fim de semana, a diretora-geral da Saúde escocesa se ter demitido por ter feito duas viagens à casa de férias, também durante a vigência de ordens de confinamento.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório