Meteorologia

  • 04 JUNHO 2020
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

Coronavírus: Número de mortos mantém-se. Mais uma cidade isolada

Para além de Wuhan, epicentro do surto, há mais outra cidade em isolamento. Novo balanço é avançado pela Sky News, que cita televisão estatal chinesa.

Coronavírus: Número de mortos mantém-se. Mais uma cidade isolada

Até à meia-noite de quarta-feira, a Comissão Nacional de Saúde da China disse que tinha contabilizado 571 casos confirmados em 25 províncias e regiões do país, com um balanço de 17 mortes, um número que se mantém esta quinta-feira.

O balanço de 25 mortos inicialmente avançado pela Sky News não se confirma, tendo o órgão britânico assumido que se tratou de um erro de tradução.

A mesma fonte, que cita a televisão estatal chinesa, indica que a cidade Wuhan, o epicentro da surto desta pneumonia viral, foi isolada, assim como Huanggang, situada a cerca de 65 quilómetros de distância. Os moradores foram instruídos a não sair da cidade, sendo impedidas também as entradas.

A Comissão Nacional de Saúde da China tinha já alertado que este novo tipo de coronavírus, uma espécie de vírus que causa infeções respiratórias em seres humanos e animais, "pode sofrer mutações e espalhar-se mais facilmente".

Há pelo menos 15 médicos em Wuhan infetados depois de terem estado em contacto com pacientes. Os serviços de saúde chineses estão a acompanhar 5.897 pessoas que mantiveram contacto próximo com os pacientes infetados.

O Comité de Emergência da Organização Mundial de Saúde (OMS) esteve reunida em Genebra, na Suíça, para analisar a hipótese de se declarar emergência de saúde pública internacional e determinar que recomendações serão feitas para controlar o coronavírus. Mas decidiu não fazer essa declaração e esperar para observar a evolução do vírus.

Fora da China continental, foram confirmados casos da doença em Macau, Hong Kong, Taiwan, Coreia do Sul, Japão, Tailândia e Estados Unidos.

Os primeiros casos do vírus '2019 - nCoV' apareceram em meados de dezembro na cidade chinesa de Wuhan, capital da provincia central de Hubei, quando começaram a chegar aos hospitais pessoas com uma pneumonia viral.

Os casos alimentam receios sobre uma potencial epidemia, semelhante à da pneumonia atípica, ou Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), que entre 2002 e 2003 matou 650 pessoas na China continental e em Hong Kong.

[Notícia atualizada para corrigir número de mortos, revisto de 25 para 17]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório