Meteorologia

  • 17 AGOSTO 2022
Tempo
26º
MIN 17º MÁX 26º

Governo do Gana deixa de reconhecer independência de Kosovo

O Gana revogou o reconhecimento do Kosovo como Estado independente, anulando uma decisão que diz ter sido "prematura", noticiam hoje as agências internacionais.

Governo do Gana deixa de reconhecer independência de Kosovo
Notícias ao Minuto

21:57 - 12/11/19 por Lusa

Mundo Gana

"O Governo do Gana decidiu retirar o reconhecimento do Kosovo como Estado independente", afirmou o ministro-adjunto dos Negócios Estrangeiros, Charles Owiredu.

O Governo ganês, numa carta enviada à Sérvia, referiu que "a decisão de reconhecer o Kosovo revelou-se prematura".

Na missiva, citada pela agência noticiosa France-Presse, o país da África Ocidental diz ter "analisado o contínuo diálogo entre Sérvia e Kosovo, destinado à jornada deste último em ser reconhecido como um Estado independente e soberano", acrescentando que "apoia o processo em curso para concluir este assunto".

Este anúncio pode perturbar a resolução de um longo diálogo entre Belgrado e Pristina, conduzido pela União Europeia e que está suspenso há mais de um ano.

O Kosovo declarou a sua independência da Sérvia em 2008, marcando a mais recente cisão entre as nações que integravam a antiga Jugoslávia.

A antiga província é reconhecida pela maioria dos países ocidentais, mas necessita do reconhecimento da Sérvia - assim como dos aliados Rússia e China - para que adquira um lugar na Organização das Nações Unidas.

Na carta enviada a Belgrado, Acra diz que a decisão de declarar unilateralmente a independência foi contra "a resolução 1244 do Conselho de Segurança das Nações Unidas", de 1999, que colocava o Kosovo sob proteção internacional.

Esta resolução atribuía ao Kosovo "autonomia substancial" e "autoadministração", mas não uma independência total.

O Gana acrescentou que espera assim "encorajar outros Estados-membros das Nações Unidas" a tomar a mesma decisão.

Neste momento, 16 países reverteram a sua decisão de reconhecer a independência do Kosovo.

Pristina aponta que a independência do Kosovo é reconhecida, atualmente, por 116 países.

Este mês, o enviado da secretária de Estado dos Estados Unidos para os Balcãs Ocidentais, Matthew Palmer, numa visita à capital kosovar, alertou que "a campanha para incentivar os países a retirarem o seu reconhecimento do Kosovo e bloquearem a participação do Kosovo em organizações internacionais deve parar".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório