Meteorologia

  • 05 ABRIL 2020
Tempo
17º
MIN 14º MÁX 18º

Edição

Bailarina dança em homenagem à mãe que morreu no dia de Natal

"Morreu como uma heroína para salvar a minha vida", diz a jovem de 22 anos.

Jayne, de 43 anos, morreu no Natal do ano passado, quando tentava proteger a filha de um homem que invadiu a casa onde ambas viviam em Lisburn, Irlanda, com uma faca.

Um ano depois, e para que a sua memória "nunca seja esquecida", a filha Charlotte, que é bailarina, decidiu realizar uma dança em homenagem à mãe.

A bailarina e coreógrafa escolheu o tema 'Dancing in the Sky' de Dani e Lizzy para dançar em volta de uma caixa de madeira para "honrar" a  mãe e manter a viva a sua memória.

"Ela morreu como uma heroína para salvar a minha vida", lembra.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório