Meteorologia

  • 21 JULHO 2024
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 26º

Neurologista revela hábito altamente prejudicial para o cérebro. Cuidado!

Amy Naquin-Chappel, neurologista do Houston Methodist Willowbrook Hospital, deixa alerta a todos os fumadores.

Neurologista revela hábito altamente prejudicial para o cérebro. Cuidado!
Notícias ao Minuto

16:44 - 21/03/24 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Saúde cerebral

O declínio cognitivo nem sempre está associado à idade. O bom funcionamento do cérebro também está relacionado com os nossos hábitos de vida. Praticar desporto, ter uma alimentação saudável e evitar o stress ajudam. No entanto, de acordo com Amy Naquin-Chappel, neurologista do Houston Methodist Willowbrook Hospital, existe uma atividade que deve evitada ao máximo. 

Para a médica, o principal hábito a eliminar da rotina é fumar. "Fumar aumenta mais o risco de declínio cognitivo do que outros hábitos ou fatores", alertou ao Yahoo!Life.

Leia Também: Três dicas para mulheres com mais de 50 anos que querem emagrecer

Todavia, ressalva que o declínio cognitivo não é afetado por um único hábito. "Existem vários fatores que demonstraram aumentar o risco de declínio cognitivo, incluindo obesidade, diabetes, pressão alta, colesterol alto, genética, distúrbios do sono, lesões cerebrais e depressão. E isto só para citar alguns", disse.

Naquin-Chappel sublinha ainda que "exercitar o cérebro é importante". "Se quisermos músculos grandes, levantamos pesos e praticamos exercício. Da mesma forma, se quisermos que a nossa memória seja tão nítida quanto possível, temos que trabalhá-la."

Leia Também: Neurocientista aponta três alimentos que nos envelhecem mais depressa

Recomendados para si

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório