Meteorologia

  • 29 SETEMBRO 2021
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 26º

Edição

O teletrabalho veio para ficar. Já adaptou a sua casa? A hôma ajuda

O teletrabalho, tudo indica, sobreviverá à pandemia, sendo uma alternativa que muitas empresas, e mesmo a Administração Pública, preveem continuar a adotar futuramente. Adapte a sua casa e crie um espaço funcional e confortável que lhe garanta as melhores condições para trabalhar. A hôma Happy Home Living partilha consigo algumas dicas simples e práticas.

O teletrabalho veio para ficar. Já adaptou a sua casa? A hôma ajuda

Novo normal. A expressão é já familiar a todos e não haverá melhor símbolo que a represente do que o teletrabalho, que parece ter vindo para ficar.

Por causa da pandemia da Covid-19, de um momento para o outro, a grande maioria teve de se adaptar a um paradigma de trabalho totalmente diferente daquele a que estava habituado. Disse adeus às instalações da empresa para abraçar a ideia de trabalhar a partir de casa, que - como quase tudo, de resto, - tem vantagens e desvantagens.

Se por um lado a ideia é simpática - poupa-se o tempo das deslocações e ganha-se flexibilidade na conciliação entre  vida profissional e doméstica -, por outro, o trabalho em regime remoto comporta uma série de exigências, nomeadamente ao nível das condições que é necessário garantir para evitar distrações e assegurar que a produtividade não sai afetada. Mas, afinal, como manter o foco? Planeamento e (boas) ideias de decoração, tal como as da hôma Happy Home Living que se seguem, podem ser uma preciosa ajuda.

Demarcação de áreas: A sua saúde mental agradece (e o patrão também)

Não basta ligar o computador e trabalhar a partir de casa. Isto, se quisermos manter qualidade de vida. A separação entre espaços - o profissional e o familiar - é uma questão de higiene mental. A fronteira é ténue, bem sabemos, mas importa demarcá-la para que consigamos ser eficazes a nível profissional, no horário laboral, e depois desligar do trabalho, usufruindo de momentos de lazer em família, ou mesmo sozinhos se for o caso. 

Nem todas as casas - arriscaríamos dizer até a maioria - estão preparadas para acolher a realidade do teletrabalho: nem todas têm escritório propriamente dito já montado e as que têm, possivelmente, ainda assim carecem de uma adaptação para tornar essa área funcional: uma coisa é trabalhar pontualmente a partir de casa, outra é fazê-lo todos os dias durante meses. 

Ser funcional, aliás, é um conceito determinante, sobretudo em casas com falta de espaço. A estética tem um peso importante, sem dúvida, mas a vertente prática e o conforto são tão ou mais importantes. O desafio será conjugar tudo de forma harmoniosa, sem que para tal tenha de fazer uma remodelação de fundo e gastar uma fortuna. A criatividade tem também uma palavra a dizer, podendo, a título de exemplo, dar um novo uso a peças que quase já esqueceu que tinha, atribuindo-lhes novos propósitos.

Espaços multifuncionais: Evite percalços! 

O teletrabalho reforçou ainda a necessidade de criar espaços multifuncionais e flexíveis em casa, até porque muitas vezes esses mesmos espaços terão de ser partilhados com outras pessoas que poderão, ou não, estar a enfrentar também o desafio do trabalho à distância. Mas, à falta de um escritório, que área da casa é ideal para o efeito?

Trabalhar na mesa da cozinha ou na mesa da sala? Quão prático é ter de montar e desmontar o 'escritório' sempre que quer comer? Ou, estando numa videoconferência, quão constrangedor é ouvir-se a azáfama da refeição que paralelamente está a ser preparada para o almoço ou jantar?

Todos sabemos de alguns percalços que sucederam já nas famosas reuniões via Zoom, sobretudo quando se tem crianças em casa, mas alguns podem facilmente ser evitados. E, por falar em videoconferência, provavelmente a roupa acumulada por passar não é propriamente o cenário de fundo que gostaria que surgisse quando tiver de intervir, certo? 

A solução? Criar um espaço próprio para trabalhar, devidamente delimitado e protegido de ruídos domésticos. O mais indicado será uma divisão isolada. Não sendo possível, poderá criar uma área de trabalho num recanto de um compartimento, como a sala ou o quarto. Aproveitar uma marquise, por exemplo, poderá ser uma excelente alternativa. Mas, atenção, o fácil acesso a tomadas para ligar aparelhos eletrónicos deve ser um aspeto a ter em conta. 

O que não pode faltar?

Secretária, cadeira, estante, móvel de apoio são, diríamos, os elementos basilares de qualquer espaço que funcione como um escritório. Aposte em soluções inteligentes, que lhe permitam capitalizar o espaço de que dispõe, designadamente para arrumação. Invista na simplicidade e não se esqueça de que menos é mais. Alguns elementos decorativos, tal como plantas, podem ajudar a tornar o ambiente mais acolhedor e - espante-se! - inclusive, dar um empurrão em matéria de produtividade. Um apontamento de cor será sempre bem-vindo, podendo ser um aliado da inspiração. Acima de tudo, lembre-se que tranquilidade é um ativo indispensável para garantir a concentração, pelo que reiteramos que uma área dedicada ao trabalho é essencial.

Não esquecer a ergonomia: Cuide de si

Há ainda algumas questões mais relacionadas com a própria saúde e bem-estar que convém não esquecer, como a importância de ter uma cadeira ergonómica, que garanta uma postura adequada, ou de o espaço onde se encontra a trabalhar ser ventilado e manter uma temperatura ajustada. Também a iluminação é um fator-chave. Ter o espaço convenientemente iluminado pode fazer toda a diferença.

 

Agora que já percebeu a importância de adaptar a sua casa à realidade do teletrabalho, que será duradoura, deixamos na imagem acima algumas sugestões da hôma Happy Home Living que poderá incluir no seu projeto. Invista no futuro!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório