Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
28º
MIN 14º MÁX 29º

Novo sintoma raro de Covid-19 afeta enfermeiro e alerta cientistas

Febre, tosse contínua e falta de ar estão entre os principais sintomas de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, causador da Covid-19.

Novo sintoma raro de Covid-19 afeta enfermeiro e alerta cientistas

Porém, agora os especialistas alertam que podemos estar a lidar com um sintoma adicional - e mais raro - de Covid-19.

De acordo com um artigo publicado no jornal britânico The Sun, o alerta surge após um enfermeiro de Queensland, na Austrália, ter testado positivo para o vírus depois de ter experienciado dores na zona do abdómen. 

O profissional não padecia dos outros sintomas chave da patologia, mas havia estado a tratar doentes numa ala dedicada ao coronavírus no hospital de Ipswich, perto de Brisbane.

Steven Miles, vice-primeiro-ministro e Ministro da Saúde, disse: "Ele notou que estava a sofrer de dores abdominais, algo que normalmente não é considerado um sintoma de Covid-19, mas foi sem dúvida incrivelmente sábio e ainda assim identificou que poderia sim tratar-se de um sintoma da doença viral". 

"Foi fazer o teste e deu positivo".

Para Miles tal mostra como é importante estarmos atentos à nossa saúde, de modo a detetarmos algo que possa estar errado rapidamente. Isto porque atualmente ainda estamos a entender a doença e todas as suas facetas.

"Todos podemos fazer a coisa certa ao monitorizar a nossa saúde e se experienciarmos qualquer sintoma, devemos fazer o teste sem hesitar", afirmou. 

Suspeitas anteriores

Não é a primeira vez que especialistas reportam uma ligação entre dor abdominal e Covid-19. Um estudo publicado pelo Royal College of Physicians, em maio, sugere que vários doentes com SARS-CoV-2, em França, haviam sofrido de dores abdominais e, surpreendentemente, não haviam experienciado sintomas pulmonares.

Investigadores afirmaram que em pelo menos um dos pacientes, essa dor havia sido associada com náuseas e diarreia - sintomas esses, que estão ambos incluídos na lista da Organização Mundial de Saúde (OMS), como sinais menos comuns de Covid-19. 

Todavia, os investigadores notaram que "até ao momento não havia sido reportada a incidência de dor abdominal aguda como primeira manifestação de Covid-19". 

A equipa, liderada pelo médico e cientista Gérald Gahide, escreveu: "a fisiopatologia destas dores abdominais provavelmente deve-se à ocorrência de um processo inflamatório, como por exemplo a gastroenterite". 

"Apesar dos coronavírus serem considerados vírus respiratórios transmitidos sobretudo pelas vias aéreas, contaminação oral primária ou secundária pode ser responsável pela ocorrência de dores abdominais". 

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório