Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2020
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Alerta. Soluços podem ser mais um sintoma de Covid-19

Médicos alertam que soluços podem também ser um sintoma de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, causador da Covid-19, após ter sido registado o caso de um homem que padeceu da condição durante quatro dias e necessitou de ser admitido nas urgências.

Alerta. Soluços podem ser mais um sintoma de Covid-19
Notícias ao Minuto

07:53 - 10/08/20 por Notícias ao Minuto 

Lifestyle Sintomas de coronavírus

O homem terá experienciado soluços durante vários dias, e não terá sido afetado por qualquer outro sintoma - apesar, de ter testado positivo para a Covid-19. 

Segundo informações divulgadas pela jornal britânico The Sun, o homem de 62 anos da cidade de Chicago, nos Estados Unidos, foi admitido no hospital em abril, altura em que os médicos notaram que o indivíduo havia sofrido uma perda de peso acentuada inexplicável. 

Leia Também: Anantema. Manchas vermelhas na boca podem ser novo sintoma de coronavírus

Em conformidade com o relatório médico, publicado no American Journal of Emergency medicine, o homem sofria de diabete mas não padecia de febre, ou dores de garganta. 

Todavia, havia experienciado soluços persistentes por quatro dias e quando foi submetido a um teste à Covid-19 - os resultados demonstraram ser positivos. 

Biologicamente falando os soluços são uma condição involuntária que pode ser provocada pela ingestão de determinados alimentos, emoções fortes tais como excitação ou stress. 

Atualmente a DGS e a Organização Mundial de Saúde (OMS) sublinham que os principais sintomas do coronavírus SARS-CoV-2 consistem em febre, tosse persistente, dores musculares e perda de olfato ou paladar. 

No caso que decorreu em Chicago, à chegada do homem às urgências este apresentava uma temperatura de 37.3ºC e o ritmo cardíaco registava os 96 batimentos por minuto. 

De seguida os médicos realizaram um exame aos pulmões e detetaram a presença de opacidades em vidro fosco, que por sua vez indicam que a pessoa está com dificuldades severas relativamente ao funcionamento da capacidade pulmonar. 

Exames subsequentes apuraram que estas irregularidades estavam disseminadas pelos pulmões. 

O paciente terá sido então admitido num quarto isolado onde terá recebido tratamento para uma possível pneumonia. Adicionalmente, foi submetido a um painel respiratório viral e uma amostra terá sido enviada para análise em laboratório de modo a entender se estaria doente com Covid-19. 

Posteriormente, o homem foi admitido na unidade médica destinada à Covid como pessoa sob investigação. 

Ao chegar a essa unidade foi-lhe medida novamente a temperatura que se encontrava nos 38.4ºC, o ritmo cardíaco do paciente também havia subido até aos 104 batimentos cardíacos por minuto. 

O paciente terá então testado positivo para o SARS-CoV-2.

De acordo com o relatório médico: "apresentamos desta vez o caso de um homem de 62 anos com soluços persistentes como principal sintoma da Covid-19". 

"Do nosso conhecimento, trata-se do primeiro caso de soluços persistentes num paciente que testou positivo para a doença na história da literatura médica". 

Os médicos do hospital Cook County Health, em Chicago afirmaram ainda que pessoas que apresentam soluços persistentes não devem ser ignoradas. 

Acrescentando: "os clínicos devem ter em atenção que ainda se trata de uma doença sobre a qual temos muito a descobrir, incluindo relativamente a sintomas". 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório