Meteorologia

  • 08 JULHO 2020
Tempo
28º
MIN 17º MÁX 28º

Edição

"Já olho para as cirurgias como as medalhas que Michael Phelps ganhou"

Um dia após anunicar a oitava operação à perna, Ângelo Rodrigues partilha nova reflexão no Instagram.

"Já olho para as cirurgias como as medalhas que Michael Phelps ganhou"

Depois de ter revelado que iria ser operado à perna pela oitava vez, está sábado, 23 de maioÂngelo Rodrigues voltou a falar aos fãs através da sua página de Instagram, onde partilhou uma nova reflexão, destacando-se pelo otimismo

"Já olho para as minhas cirurgias como as medalhas que Michael Phelps ganhou em Pequim. Sirvo-me de um trabalho extenuante de minimalismo mental, de peneirar apenas o estritamente necessário - um princípio que Marco Aurélio imaginou um dia nas primeiras linhas estóicas que desenhou no livro 'Meditações'", começou por escrever o ator na rede social. 

"Mas nada que acalme este Álvaro de Campos que galopa incessante dentro de mim. Esta montanha russa emocional, que usou a vertigem para nunca tomar a minha recuperação como garantida, foi o que me manteve vivo. Como Chico Anísio diria: 'eu não tenho medo de morrer, eu tenho pena'", continuou, mostrando que se mantém empenhado na recuperação. 

"Sempre simpatizei por underdogs. A ideia de um desfavorecido com parcas chances de vencer face a um opressor sempre foi relatable para mim. Talvez porque sempre me senti um. É expectável que o underdog perca, mas a superação arranja sempre lugar. One love para todos os underdogs que espreitam lá do fundo do poço para cima. Dizem que a vista lá em cima é linda. Agora vamos lá remendar esta boneca de trapos", concluiu. 

Ver esta publicação no Instagram

Já olho para as minhas cirurgias como as medalhas que Michael Phelps ganhou em Pequim. Sirvo-me de um trabalho extenuante de minimalismo mental, de peneirar apenas o estritamente necessário - um princípio que Marco Aurélio imaginou um dia nas primeiras linhas estóicas que desenhou no livro “Meditações”. * * Mas nada que acalme este Álvaro de Campos que galopa incessante dentro de mim. Esta montanha russa emocional, que usou a vertigem para nunca tomar a minha recuperação como garantida, foi o que me manteve vivo. Como Chico Anísio diria: “eu não tenho medo de morrer, eu tenho pena”. * * Sempre simpatizei por underdogs. A ideia de um desfavorecido com parcas chances de vencer face a um opressor sempre foi relatable para mim. Talvez porque sempre me senti um. É expectável que o underdog perca, mas a superação arranja sempre lugar. One love para todos os underdogs que espreitam lá do fundo do poço para cima. Dizem que a vista lá em cima é linda. Agora vamos lá remendar esta boneca de trapos.

Uma publicação partilhada por ᴬᴺᴳᴱᴸᴼ ᴿᴼᴰᴿᴵᴳᵁᴱˢ (@angelorodrigues_oficial) a 24 de Mai, 2020 às 2:32 PDT

Recorde-se que o ator sofreu, no verão do ano passado, uma grave infeção provocada, alegadamente, por uma injeção de esteroides. Ângelo Rodrigues esteve internado no hospital em estado grave, tem chegado a ficar em coma induzido. Além disso, a perna que agora foi novamente operada, na altura esteve em risco de ser amputada. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório