Meteorologia

  • 02 ABRIL 2020
Tempo
15º
MIN 7º MÁX 19º

Edição

Não tem net? Veja onde pode aceder ao site do Fisco

A partir deste mês, o Governo conta abrir novos Espaços do Cidadão – cinco a dez, no total – junto de autarquias mas também em lojas dos CTT.

Não tem net? Veja onde pode aceder ao site do Fisco

Os contribuintes vão poder aceder a serviços do Fisco em Espaços do Cidadão, uma solução que conta com restrições mas que ainda assim pode facilitar a vida a contribuintes que não têm acesso à net.

Com o acesso à Internet a ser cada vez mais essencial na relação fiscal com o Estado, os Espaços do Cidadão tentam assim ser uma ajuda.

Conta o Jornal de Negócios que vai ser possível resolver questões diversas, desde obter cadernetas prediais ou comprovativos de inexistência de dívidas tributárias, mas também tirar documentos para pagar o IMI, o selo do carro e atos isolados do IVA, bem como passar recibos verdes eletrónicos.

Saliente-se que estes Espaços do Cidadão servem precisamente para facilitar a vida a contribuintes na sua relação com serviços digitais do Estado. E são úteis precisamente para quem esteja menos à vontade com as novas tecnologias.

Com o objetivo de aproveitar a oferta de serviços públicos online da Administração Pública, estes Espaços resultam de parcerias com autarquias e lojas dos CTT, onde se presta este atendimento geral. O Fisco é só a mais recente, já que nestes Espaços era já possível tratar de outras questões, como por exemplo tratar da renovação da carta de condução.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório