Meteorologia

  • 23 FEVEREIRO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

Custos dos salários para os patrões subiram 5% em 2023

O custo médio por trabalhador aumentou 7,1% no ano passado, divulgou o INE.

Custos dos salários para os patrões subiram 5% em 2023
Notícias ao Minuto

14:12 - 12/02/24 por Notícias ao Minuto

Economia Salários

Os custos salariais registaram um aumento de 5% em 2023, de acordo com os dados divulgados esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). 

"Em 2023, o ICT aumentou 5,3%, a que corresponderam acréscimos de 5,0% nos custos salariais e 6,4% nos outros custos", pode ler-se no relatório do INE.

Vale sublinhar que, segundo o INE, os custos salariais incluem o salário base, prémios e subsídios regulares, prémios e subsídios irregulares (subsídio de férias; subsídio de Natal; prémios de fim do ano/distribuição de lucros), bem como outros prémios e subsídios pagos com caráter irregular). Incluem também o pagamento por trabalho extraordinário.

Já os outros custos referem-se a à indemnização por despedimento, encargos legais a cargo da entidade patronal (contribuição patronal para a Segurança Social; seguro de acidentes de trabalho e doenças profissionais) e encargos convencionais, contratuais e facultativos (prestação complementar de reforma/invalidez; seguro de saúde; seguro de vida/acidentes pessoais; prestações sociais pagas diretamente ao trabalhador em caso de ausência por doença).

Ora, o custo médio por trabalhador aumentou 7,1% e o número de horas efetivamente trabalhadas por trabalhador aumentou 1,8%.

Leia Também: Índice de Custo do Trabalho aumentou 5,3% em 2023

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório