Meteorologia

  • 15 AGOSTO 2022
Tempo
28º
MIN 19º MÁX 28º
Habitação Preços das casas subiram "cerca de 5...

Preços das casas subiram "cerca de 5%" na primeira metade do ano

Ainda assim, o tempo que os imóveis demoraram a ser vendidos "diminuiu um pouco por todo o território nacional".

Preços das casas subiram "cerca de 5%" na primeira metade do ano

Os preços das casas subiram "cerca de 5%" nos primeiros seis meses de 2022, de acordo com uma análise do Doutor Finanças, especialista em finanças pessoais e familiares, em conjunto com a Alfredo, uma plataforma de Inteligência Artificial que recolhe dados do setor imobiliário. 

"Os preços das casas aumentaram quase 5% no primeiro semestre, com o valor médio dos imóveis residenciais em Portugal a situar-se nos 2.123 euros, de acordo com os dados da Alfredo", adianta o Doutor Finanças, em comunicado enviado ao Casa ao Minuto

Ainda assim, o tempo que os imóveis demoraram a ser vendidos "diminuiu um pouco por todo o território nacional".

"O Funchal continua a ser o município onde se demora menos a vender um imóvel (110 dias em média, ou cerca de três meses e meio). Do lado oposto está Portalegre, onde o tempo médio é de 198 dias, pouco mais de seis meses", pode ler-se. 

Quanto aos preços, a "Guarda continua a ser o município mais barato, com o preço médio de um imóvel residencial a custar 415 euros por metro quadrado, destacando-se ainda por estar entre as cidades onde os preços das casas mais caíram no último ano (-4,1%). Uma queda maior no preço médio só foi registada em Vila Real (-12,5%)".

Leia Também: Câmara de Lagos aprova concurso para investir em 12 fogos habitacionais

Campo obrigatório