Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2021
Tempo
MIN 7º MÁX 12º

Edição

Madeira realiza estudos prévios para ampliar Porto do Funchal

A realização de estudos prévios para a ampliação do Porto do Funchal foi adjudicada em setembro, anunciou hoje o presidente do Governo Regional da Madeira, sem precisar datas nem valores.

Madeira realiza estudos prévios para ampliar Porto do Funchal
Notícias ao Minuto

20:18 - 26/10/21 por Lusa

Economia Madeira

Apontando que se trata de uma obra "estrutural que vai demorar algum tempo", Miguel Albuquerque revelou que o processo já foi iniciado com o lançamento do concurso para o estudo preliminar.

"Foi adjudicado agora em setembro e esse estudo preliminar será feito relativamente à ampliação do porto e proteção de toda a frente norte do cais 8 aqui no Funchal", afirmou aos jornalistas à margem da inauguração de uma nova gare marítima, localizada no cais 6.

O presidente do Governo Regional, de coligação PSD/CDS-PP, não adiantou datas concretas nem valores associados à obra, explicando que "tudo será decidido em função dos estudos".

No entanto, "a perspetiva é uma ampliação de 400 metros no molhe da Pontinha, que garantirá por seu turno a proteção do cais 8 relativamente a sul ou sudoeste que, neste momento, impede a operacionalidade do cais 8 e garante de certa forma uma proteção na frente norte do Funchal, Praça do Povo e toda a zona da frente mar no futuro", indicou.

Miguel Albuquerque acrescentou ainda "a possibilidade de se fazer uma ampliação da marina do Funchal e internacionalizar essa marina", sem adiantar mais detalhes.

O edifício de apoio ao cais 6 do Porto do Funchal, que recebe cerca de 50 escalas de navios de cruzeiros, pretende "servir o tráfego de passageiros provenientes dos navios de cruzeiro que atracam no lado norte do porto, recebendo-os em melhores condições e conforto, aperfeiçoando a operacionalidade, a atratividade e a qualidade do serviço, enquanto devolve a harmonia merecida a uma das principais portas da cidade do Funchal", salienta um comunicado enviado pelo Governo Regional.

Naquela infraestrutura, orçada em 800 mil euros, funcionarão também as instalações de várias entidades, nomeadamente a Autoridade Portuária, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, a Autoridade Tributária e Aduaneira, a GNR e a Polícia Marítima.

Leia Também: Albuquerque disponível para conversar com Governo para defender a Madeira

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório