Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 16º

Edição

Exportações fecharam 2020 com quebra de 10,3%. E as importações?

Os três principais clientes e fornecedores externos de bens a Portugal continuaram a ser Espanha, França e Alemanha.

Exportações fecharam 2020 com quebra de 10,3%. E as importações?

Em 2020, as exportações de bens diminuíram 10,3%, em termos nominais, face ao ano anterior (+3,5% em 2019), atingindo 53.757 milhões de euros, divulgou o Instituto Nacional de Estatística (INE), esta terça-feira.

As importações totalizaram 68 146 milhões de euros, menos 14,8% que no ano anterior (+6,0% em 2019).

A balança comercial de bens registou uma diminuição do défice de 5 686 milhões de euros face a 2019, registando um saldo negativo de 14 388 milhões de euros. Excluindo os Combustíveis e lubrificantes, as exportações decresceram 8,9% e as importações diminuíram 12,3% (+4,4% e +6,8%, respetivamente em 2019) e o défice reduziu 3.699 milhões de euros, atingindo 10.936 milhões de euros.

"Os três principais clientes e fornecedores externos de bens a Portugal continuaram a ser Espanha, França e Alemanha. O maior défice comercial manteve-se com Espanha e o maior excedente registou-se com a França, enquanto no ano anterior tinha sido com os Estados Unidos", pode ler-se no relatório do INE. 

Os Veículos e outro material de transporte foram o principal grupo exportado, seguido das Máquinas e aparelhos. Nas importações, estes foram também os principais grupos transacionados, mas com troca de posições face às exportações.

Leia Também: Exportação de vinhos portugueses sobe 13% até agosto para 581 milhões

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório