Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2021
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 17º

Edição

Precisa de poupar? Sete dicas para 'fugir' às compras por impulso

Quer colocar algum dinheiro de parte, mas não consegue 'fugir' às compras por impulso? Este artigo é para si.

Precisa de poupar? Sete dicas para 'fugir' às compras por impulso

As compras por impulso não são amigas da poupança e podem mesmo comprometer aquele dinheiro que tencionava colocar de parte. Para 'fugir' a este tipo de compras e conseguir poupar algum dinheiro, siga estas sete dicas do Doutor Finanças

1. Precisa realmente do produto ou serviço?

"Uma das primeiras coisas que deve fazer para evitar as compras por impulso é saber se já tem algo com a mesma utilidade ou que desempenhe a mesma função. Ou seja, perguntar-se: 'será que preciso mesmo disto?'. Esta é uma dica importante para perceber o seu nível de consciência para a poupança. E se precisar de uma ajuda, pode usar o Desmotivador de Compras do Doutor Finanças."

2. Evite fazer compras com cartão de crédito

"Uma das formas de evitar compras por impulso é não levar o cartão de crédito para fazer compras, uma vez que este pode ser um grande apelo às compras por impulso. O mesmo se aplica nas compras online. O ideal é tirar este meio de pagamento da equação, por tudo o que advém da sua utilização."

3. Reduza a subscrição de newsletters de sites de compras online

"Estar constantemente a ser bombardeado com promoções e oportunidades de compras no seu e-mail pode levá-lo a cair na tentação mais facilmente. Além de que subcarrega a sua caixa de e-mail. Por isso, se quer fugir ao consumismo por impulso, reduza a subscrição de newsletters de lojas."  

4. Compra por impulso? Faça sempre uma lista de compras

"Fazer uma lista de compras é uma das dicas primordiais de poupança. Quando vai ao supermercado ou até comprar roupa, enumere o que precisa efetivamente de comprar. Esta é uma boa forma de evitar as compras por impulso."

5. Antes de comprar, compare preços

"Antes de avançar com a compra de algum produto ou serviço, é também muito importante que compare preços."

6. Evite comprar no momento

"Questione-se se de facto precisa mesmo daquele produto ou serviço no imediato ou se pode adiar a comprar para uma ocasião mais favorável a nível financeiro. Há que pensar muito bem se realmente precisa de comprar aquela peça de roupa ou aquele telemóvel no momento."

7. Defina um orçamento e contrarie o impulso

"Traçar um orçamento também faz parte das dicas base de poupança. É normal ter pequenos deslizes ao longo do mês. Mas é importante saber a diferença entre compras por impulso e compras não essenciais. Também é importante presentear-se a si ou àqueles de quem mais gosta. Pode não precisar daquele par de ténis, mas gostar tanto deles que os quer comprar. Apenas, reflita e não o faça por impulso. Assim, fica a sugestão, se puder, dentro do seu orçamento mensal, defina um montante destinado a pequenos prazeres."

Leia Também: WhatsApp ganha ferramenta que tornará mais fácil fazer compras

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório