Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2021
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Transportes Coletivos do Barreiro em greve amanhã

Os motoristas dos Transportes Coletivos do Barreiro fazem na quinta-feira uma greve de 24 horas a todos os serviços devido à falta de entendimento com a autarquia, que gere o serviço, quanto à organização dos tempos de trabalho.

Transportes Coletivos do Barreiro em greve amanhã
Notícias ao Minuto

14:39 - 13/10/21 por Lusa

Economia Transportes

Segundo explicou à Lusa o vice-presidente do Sindicato Nacional dos Motoristas e Outros Trabalhadores, Manuel Oliveira, trata-se de uma situação que opõe "a administração da empresa e os trabalhadores há já vários anos".

"Tem a ver com a construção de horários e rendições, com a organização dos tempos de trabalho", disse o responsável, acrescentando que, ao longo dos últimos "seis/sete anos" o sindicato tem "vindo a fomentar com a administração um diálogo que pudesse dar origem a um acordo".

Segundo o sindicalista, a greve está agendada para todos os serviços alocados para dia 14, lembrando que "não inicia à meia-noite e termina às 24:00 porque há serviços que se podem iniciar às 22:00 e terminarem à 01:00, correspondendo ao dia da greve".

De acordo Manuel Oliveira, até ao momento, tal acordo não foi conseguido pelos trabalhadores dos Transportes Coletivos do Barreio, que pretendem um acordo igual ao conseguido com os motoristas do município de Coimbra.

"Nós [Sindicato] conseguimos fazer um acordo com o município de Coimbra para os mesmos trabalhadores, ou seja, para a mesma categoria profissional de trabalhadores -- assistentes operacionais agentes únicos", disse.

Segundo o sindicalista, o que os trabalhadores dos Transportes Coletivos do Barreiro querem é o "mesmo conjunto de direitos e regras definidas para que as partes possam cumprir".

À semelhança do que acontece com o Transportes Coletivos de Coimbra, geridos pelo município de Coimbra, também os serviços municipalizados Transportes Coletivos do Barreiro são geridos pela Câmara Municipal do Barreiro.

O sindicalista salienta não querer apontar opções políticas, sublinhando que até agora as autarquias eram geridas pelo Partido Socialista: Coimbra deixou de ser liderada por Manuel Machado que perdeu as autárquicas de 26 de setembro para José Manuel Silva, eleito em coligação de partidos da direita, enquanto no Barreiro mantém-se Frederico Rosa.

"Os trabalhadores querem igualdade de direitos, ser respeitados e tratados da mesma maneira que os seus congéneres de Coimbra", salientou.

Em comunicado, a Câmara do Barreiro, avançou que "por motivos alheios aos Transportes Colectivos do Barreiro, na próxima quinta-feira, dia 14 de outubro, preveem-se que possam ocorrer perturbações significativas no regular funcionamento de carreiras, devido a greve dos motoristas".

Desta forma, a autarquia recomenda aos utentes do transporte o "acompanhamento do seu funcionamento em tempo real, através da aplicação TCB".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório