Meteorologia

  • 05 MARçO 2021
Tempo
13º
MIN 11º MÁX 17º

Edição

TAP: Ajuda até 2024 terá impacto na economia 2 a 3 vezes superior

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, disse hoje que a ajuda pública à companhia estimada até 2024 terá um impacto positivo na economia cerca de duas a três vezes superior até 2030.

TAP: Ajuda até 2024 terá impacto na economia 2 a 3 vezes superior
Notícias ao Minuto

14:45 - 23/02/21 por Lusa

Economia TAP

"A ajuda pública estimada até 2024 terá um impacto positivo na economia cerca de duas a três vezes superior até 2030, portanto, é um impacto positivo muito forte, que se verificará em todas as vertentes", afirmou Miguel Frasquilho, que está a ser ouvido na comissão parlamentar de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, no âmbito dos requerimentos apresentados pelo PSD e pela Iniciativa Liberal.

"A opção de deixar cair a TAP teria um custo fortíssimo para a nossa economia. [...] Aquilo de que a TAP necessita até 2024 e o retorno que será gerado para a economia será muitíssimo superior a esse investimento que já está a ser feito pelos portugueses", reiterou.

Miguel Frasquilho sublinhou, porém, que este não é "um exercício de otimismo", mas apenas a comparação entre "um cenário em que há TAP e um cenário em que não há TAP" e as consequências na economia.

"Isto não é otimismo, isto é a constatação do peso e do impacto positivo que a TAP tem na economia e porque é que, do nosso ponto de vista, faz sentido o investimento que se está a fazer na TAP", afirmou.

O presidente do CA disse que as necessidades de financiamento da companhia aérea até 2024 "são avultadas", mas deverão decrescer todos os anos, até ao fim da reestruturação, o que deverá acontecer já em 2021, face a 2020.

Relativamente às negociações com a Comissão Europeia, Miguel Frasquilho esclareceu que esse processo está a ser liderado pelo Governo português, embora a TAP tenha estado presente em algumas reuniões.

"Há uma preocupação grande de Bruxelas, no que toca ao momento que o setor da aviação atravessa, mas há também uma postura, eu diria, bastante construtiva que temos sentido por parte da Comissão Europeia", relativamente ao plano que foi apresentado em dezembro.

O responsável explicou também que está previsto que a Comissão Europeia possa continuar "a acompanhar" a TAP, depois de 2024, embora de um ponto de vista "mais macro".

"A TAP tem de se preparar ao longo dos próximos anos para ser uma empresa sustentável e rentável, ao contrário do que aconteceu na maior parte dos anos da sua história".

Leia Também: TAP: Miguel Frasquilho reconhece "sacrifícios muito significativos"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório