Meteorologia

  • 25 JUNHO 2024
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 24º

Noruega quer aumentar consumo de bacalhau fresco em Portugal

O Conselho Norueguês das Pescas (Norge) quer reforçar o consumo de bacalhau fresco em Portugal e associou-se às grandes cadeias de distribuição para promover as vendas de 'skrei'.

Noruega quer aumentar consumo de bacalhau fresco em Portugal
Notícias ao Minuto

17:10 - 23/01/14 por Lusa

Economia Distribuição

Portugal ainda não faz parte dos principais mercados de destino do 'skrei', nome que designa um bacalhau de elevada qualidade, cuja época decoore entre finais de janeiro e abril, mas a recetividade a este produto está a aumentar, disse à Lusa o representante do Norge para Portugal, Christian Nordhal, apontando para um crescimento de 30% das vendas no ano passado.

França, Alemanha, Suécia e Espanha são os maiores importadores de 'skrei'.

Já Portugal, que importou entre mil a duas mil toneladas de bacalhau fresco no ano passado, das quais cerca de 600 de 'skrei', representa um mercado de menor dimensão, a par do Reino Unido e dos Estados Unidos.

Christian Nordahl, que não detalhou o investimento feito na ação de promoção do Norge, espera que a presença nas grandes superfícies impulsione o consumo e adiantou que o 'skrei' vai estar à venda em quatro cadeias retalhistas e dois grossistas.

O embaixador norueguês, Ove Thorsheim, destacou hoje, "na abertura" da época do 'skrei', o aumento de 50% das exportações desta "iguaria que foi recentemente descoberta pela Europa" no ano passado.

"Este ano é muito promissor, tanto em termos de volume como de qualidade", acrescentou.

Os 'skrei' deslocam-se no inverno e partem do mar de Barents em direção à costa norueguesa, percorrendo uma distância de 400 a mil quilómetros.

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório