Meteorologia

  • 01 OUTUBRO 2020
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Aeroporto de Ponta Delgada com novas infraestruturas na zona de chegadas

O aeroporto de Ponta Delgada tem novas infraestruturas de receção aos passageiros desembarcados, visando "uma gestão mais eficaz" a quem viaja interilhas ou do exterior no que toca à questão dos testes à covid-19, foi hoje revelado.

Aeroporto de Ponta Delgada com novas infraestruturas na zona de chegadas
Notícias ao Minuto

18:39 - 15/09/20 por Lusa

Economia Aeroporto de Ponta Delgada

Segundo nota divulgada pelo Governo dos Açores, as novas infraestruras no aeroporto permitem "uma gestão mais eficaz a quem viaja interilhas ou do exterior e, neste caso, com encaminhamento específico e diferenciado para aqueles que apresentam ou não teste de despiste ao SARS-CoV-2 à chegada à região".

Os passageiros que chegam aos Açores têm de apresentar um teste negativo à covid-19 feito nas últimas 72 horas antes do voo ou então ser testados à chegada, aquando do desembarque no aeroporto.

A partir de agora, o aeroporto João Paulo II, na ilha de São Miguel, tem definidas três zonas com sinalética identificativa específica no interior e exterior da aerogare.

Para os voos interilhas, existe a zona amarela, enquanto o passageiro do exterior sem teste tem destinada a zona azul, onde existem seis gabinetes com climatização, que "garantem conforto, privacidade e segurança aos seus utilizadores, sejam as equipas de saúde, sejam os passageiros", para a realização dos testes ao SARS-CoV-2.

Para o passageiro que desembarca do exterior com teste ficou definida a zona verde, dispondo de "seis infraestruturas abertas para receção e tratamento ágil dos processos dos viajantes".

O objetivo desta "gestão diferenciada de fluxos" visa "evitar o congestionamento e o cruzamento entre passageiros interilhas e desembarcados do exterior, bem como aqueles que realizaram teste face aos que ainda não o fizeram", explicou o Governo Regional.

Há ainda zonas específicas para as situações prioritárias, de acordo com o Governo açoriano, que avança ainda ter sido desenvolvida a ferramenta web 'My Safe Azores', que "torna o processo de controlo sanitário à entrada no arquipélago mais fácil e rápido, contribuindo, decisivamente, para a sua desmaterialização".

Disponível em https://mysafeazores.com/, esta ferramenta permite concretizar, "numa só interação, e antecipadamente, todos os passos que o viajante deve empreender antes da chegada à região, incluindo a anexação do comprovativo de resultado negativo do teste ao SARS-CoV-2, caso tenha optado por realizar o teste no exterior, tornando o processo de circulação mais fácil e rápido".

atualmente 46 casos positivos ativos de covid-19 nos Açores, dos quais 35 em São Miguel, oito na Terceira, dois no Pico e um na ilha Graciosa.

Desde o início do surto morreram 16 pessoas na região, todas em São Miguel.

Portugal regista hoje mais quatro mortos relacionados com a covid-19 e 425 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

NO total, já morreram em Portugal 1.875 pessoas dos 65.021 casos de infeção confirmados, de acordo com a DGS.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório