Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2020
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

Metro do Porto celebra compra de 18 composições na próxima semana

O ministro do Ambiente e da Ação Climática, Matos Fernandes, anunciou hoje que o contrato para a aquisição de 18 composições para a Metro do Porto vai ser celebrado na próxima semana.

Metro do Porto celebra compra de 18 composições na próxima semana

"O contrato para aquisição de 18 composições da Metro do Porto é celebrado na próxima semana", afirmou o governante, que falava na audição conjunta nas comissões parlamentares de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, de Agricultura e Mar e de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, no âmbito da apreciação na especialidade do Orçamento do Estado para 2020 (OE2020).

Em dezembro, a Metro do Porto revelou que a empresa chinesa CRRC Tangsthan (chinesa) tinha vencido o concurso para entregar 18 novas composições, por 49,6 milhões euros, menos 6,5 milhões do que o valor base do procedimento.

O concurso foi lançado em 2018 com o valor base de 56,1 milhões de euros e a adjudicação foi feita por 49,6 milhões, disse à Lusa fonte da Metro do Porto.

O presidente da Metro do Porto, Tiago Braga, revelou à Lusa em outubro que, para responder ao aumento de seis milhões de passageiros deste ano, esperava "antecipar até ao fim de 2021" a contratação das composições, inicialmente previstas para as novas linhas do metro, que devem estar prontas em 2022/23.

"Temos a decorrer um concurso para a aquisição de 18 novas composições, principalmente destinadas a servirem as novas linhas que vão estar concluídas em 2022/23. O nosso objetivo passa por antecipar a contratação e a entrega desses novos veículos, de modo a que, até ao final de 2021, eles possam estar a circular na rede do Metro, aumentando assim a oferta", adiantou a 22 de outubro.

Tiago Braga explicou que o aumento da procura, sendo "forte desde o início de 2019", se tornou "mais expressivo ainda desde abril, quando arrancou o PART [Programa de Apoio à Redução Tarifária]", o designado passe único, que fez descer o valor dos bilhetes mensais dos transportes públicos.

A Metro do Porto revelou em junho que ia convidar dois dos concorrentes ao fornecimento e manutenção de 18 novos veículos para um "processo negocial", visando "melhorar as propostas" e "suprir as lacunas" verificadas no concurso.

A empresa esclareceu na ocasião que a decisão de convidar os dois concorrentes "que apresentaram proposta de preço" (a CRRC Tangsthan e a Skoda Transportation) foi tomada porque as propostas apresentadas por três concorrentes tinham "erros impeditivos" de adjudicação.

O concurso foi lançado com a perspetiva de servir as novas linhas Rosa, no Porto, e o prolongamento da linha Amarela de Vila Nova de Gaia a Vila d'Este.

Estas novas linhas vão acrescentar seis quilómetros e sete estações à rede, representando um investimento global na ordem dos 300 milhões de euros.

Atualmente, a frota da Metro do Porto é constituída por 102 veículos: 72 do tipo Eurotram e 30 do tipo Tram-train.

O Metro do Porto opera em sete concelhos com uma rede de seis linhas, 67 quilómetros e 82 estações, utilizada por mais de 62 milhões de clientes por ano.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório