Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2019
Tempo
16º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Como é que os estudantes deslocados podem descontar a renda no IRS

Jovens que se encontrem nesta situação devem comunicar ao Fisco.

Como é que os estudantes deslocados podem descontar a renda no IRS

Os estudantes a frequentar um estabelecimento universitário a mais de 50 quilómetros de casa e que estejam a morar numa casa ou num quarto arrendado podem descontar esse valor como despesas de educação. Para o efeito, têm apenas de comunicar ao Fisco que são estudantes deslocados

O diploma, que prevê esta medida, foi aprovado em meados do ano passado e estipula que as despesas de arrendamento com estudantes possam entrar na categoria de educação, onde o teto das despesas é de 800 euros. Até então, estes gastos entravam nas despesas gerais familiares, cujo teto é de 250 euros.

O que devem então fazer os estudantes nesta situação? De acordo com a Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO), esta comunicação pode ser feita cinco passos, através do Portal das Finanças: 

  1. Entrar no Portal das Finanças com a senha de acesso. Se não tiver, deve efetuar um novo registo. 
  2. Aceda à área E-arrendamento.
  3. Escolher a opção 'Registar estudante deslocado'.
  4. Depois, deverá surgir a informação sobre o contrato de arrendamento da casa ou do quarto registado em nome do estudante.
  5. Indique o período máximo de 12 meses como duração da deslocação e a freguesia de residência. Não se esqueça de que todos os anos terá de repetir este procedimento.

Esta condição, saliente-se, destina-se a membros do agregado familiar que não tenham mais de 25 anos e que frequentem estabelecimentos de ensino cuja localização se situe a uma distância superior a 50 km da residência permanente do agregado familiar.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório