Meteorologia

  • 25 NOVEMBRO 2020
Tempo
10º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Compras e levantamentos dispararam 20,5% à boleia da Web Summit

Números divulgados pela SIBS revelam que os britânicos foram os que mais operações fizeram durante a cimeira tecnológica.

Compras e levantamentos dispararam 20,5% à boleia da Web Summit

O número de compras e levantamentos aumentou 20,5%, em comparação homóloga, durante a Web Summit, de acordo com dados revelados esta terça-feira pela SIBS. A maioria das transações foram no setor da restauração e supermercados

Mas há mais a conhecer sobre o perfil dos consumidores. De acordo com dados disponibilizados pela SIBS, "os visitantes do Reino Unido foram os que mais operações efetuaram durante a Web Summit". 

Seguiram-se, depois, os visitantes provenientes de França, EUA, Espanha e - para completar os cinco principais - da Alemanha. 

No ano passado, os cidadãos franceses tinham sido os que mais transações realizaram por cá, sendo que o Reino Unido ocupava o segundo lugar. 

Apesar do aumento de 20,5% verificado nesta edição, o crescimento homólogo mais acentuado verificou-se em 2017, altura em que as transações cresceram 46,3%. 

Que setores beneficiaram?

As transações dos visitantes também revelam muito sobre o tipo de consumo. Como seria de esperar, a restauração liderou, ao beneficiar de 36,5% dos movimentos. Seguem-se os supermercados (12%), transportes (8,9%), alojamento (7,7%) e moda (6,6%). 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório