Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2018
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

Cinco motivos para investir em ativos imobiliários

As razões são apontadas pela plataforma de investimento Housers.

Cinco motivos para investir em ativos imobiliários
Notícias ao Minuto

14:41 - 30/08/18 por Notícias ao Minuto 

Economia Dicas

Numa altura em que os produtos financeiros tradicionais oferecem baixa rentabilidade, há cada vez mais portugueses a olharem para o mercado imobiliário como uma alternativa para investirem as suas poupanças.

“Segundo dados recentes do Banco Central Europeu, a taxa de juro paga pelos bancos nos depósitos a prazo atingiu valores mínimos dos últimos 18 anos, com taxas de 0,17%. Estes dados sugerem uma oportunidade para procurar novas alternativas de investimento em diferentes setores, tal como o imobiliário”, explica João Távora, responsável pela plataforma de investimento Housers, num comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

Por este motivo, a empresa apresenta cinco motivos para se investir no imobiliário:

  • Maior rentabilidade: "O setor imobiliário continua a apresentar uma rentabilidade mais vantajosa em comparação com outros instrumentos financeiros. Complementarmente, caso o investimento seja feito através de plataformas de crowdfunding, acarreta também um menor risco para o investidor, na medida em que os montantes mínimos a investir são baixos, para além de contar com uma maior flexibilidade na titularidade dos empréstimos."
  • Taxas de juro historicamente baixas: "Os depósitos são o produto financeiro mais utilizado por aqueles que desejam criar uma poupança para o futuro, no entanto, a rentabilidade que oferecem é muito baixa ou até mesmo nula. As taxas de juro têm atingido mínimos históricos."
  • Taxa de inflação: "Para que os investidores não percam poder de compra a longo prazo, os seus investimentos devem apresentar retornos superiores à inflação. Neste caso, os ativos imobiliários beneficiam deste indicador, pois os proprietários refletem esses movimentos no preço dos ativos imobiliários."
  • Aumento dos preços das casas: "As perspetivas de rentabilidade em investimentos imobiliários são ainda reforçadas pela subida do Índice de Preços das Casas na Zona Euro e União Europeia, que sugere que o mercado imobiliário vai continuar a valorizar-se, não só ao nível de aquisição de imóveis, mas também ao nível do arrendamento. De acordo com o INE, os preços da habitação aumentaram 12,2% no primeiro trimestre de 2018, a maior subida dos últimos oito anos."
  • São ativos reais e tangíveis: "Um imóvel é um bem real e tangível. Contrariamente a investimentos como ações na bolsa, que podem perder totalmente o valor de forma inesperada, um imóvel terá sempre um valor intrínseco, visto que o investimento está associado a um ativo físico. Ou seja, caso o investimento não corra como esperado, os investidores podem sempre contar com o valor do imóvel."

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório