Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2021
Tempo
20º
MIN 17º MÁX 28º

Edição

"Ronaldo não é uma máquina. Também tem direito a falhar"

Regresso ao Santiago Bernabéu esta temporada, o avançado internacional espanhol desvaloriza o jejum do internacional português.

"Ronaldo não é uma máquina. Também tem direito a falhar"

Cristiano Ronaldo tem passado por uma fase de ‘apagão’ no Real Madrid. O jogador já começou a ser contestado pelos adeptos e, esta terça-feira, o jogador foi defendido pelo seu técnico.

Também ontem, foi Álvaro Morata, avançado ‘merengue’ mostrou-se ao lado do internacional português, explicando que o luso não é uma máquina e também tem direito a falhar golos.

“Quando alguém está habituado a marcar 70 golos numa época é quase um viciado em golos. Para nós, é o jogador mais importante da equipa e esperamos que marque muitos golos, mas ele não é uma máquina. É humano, ainda que venha de outro planeta e seja diferente. Também tem direito a falhar”, atirou o internacional espanhol.

Com nove jogos disputados, Cristiano contabiliza apenas quatro tentos, um número que deverá, naturalmente, crescer ao longo da temporada.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório