Meteorologia

  • 06 FEVEREIRO 2023
Tempo
16º
MIN 6º MÁX 18º

Italianos adiantam que Cristiano Ronaldo reclamou 20 milhões à Juventus

Internacional português procurará receber o valor dos salários que não foram pagos pelos italianos durante a pandemia da Covid-19.

Italianos adiantam que Cristiano Ronaldo reclamou 20 milhões à Juventus
Notícias ao Minuto

09:31 - 04/12/22 por Notícias ao Minuto

Desporto Itália

Cristiano Ronaldo saiu da Juventus no verão do ano passado, mas terão ficado alguns problemas por resolver a nível financeiro. A imprensa italiana avança, este domingo, que o internacional português reclamou uma dívida de 19,9 milhões de euros ao emblema de Turim devido a salários em atraso, numa informação inicialmente divulgada pela Gazetta dello Sport.

Em causa estarão os vencimentos correspondentes ao meses da paragem dos campeonatos por força da Covid-19, que terão sido prometidos, mas ainda não foram pagos.

De referir que o clube italiano tem sido investigado pela procuradoria de Turim em matéria de acordos realizados com futebolistas, que nunca terão seguido os conformes legais para a Liga e Federação italiana, uma vez que as autoridades suspeitam que o clube procurou fugir ao pagamento de impostos.

Tudo isto acontece numa altura em que Andrea Agnelli deixou a direção da Juventus, que passará a ser ocupada por Gianluca Ferrero.

Leia Também: "A Juventus é maior do que qualquer presidente"

Leia Também: "Podemos ser campeões do mundo. Não com esperança, digo com convicção"

Leia Também: "António Silva? Deus deu-lhe o dom de jogar futebol. Ele tem tudo"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório