Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Ajax-Sporting: Duas estreias na calha, mais milhões a entrar e vingança

Desportivamente, o encontro de Amesterdão não é de importância superlativa para neerlandeses e lisboetas, mas existem outros motivos de interesse para o leão ambicionar os três pontos nos Países Baixos.

Ajax-Sporting: Duas estreias na calha, mais milhões a entrar e vingança

Depois da tempestade que abalou o Estádio de Alvalade, a 15 de setembro, em que o leão sucumbiu diante do Ajax, por 1-5, poucos seriam os que acreditariam numa ida do Sporting a Amesterdão já com o apuramento para os 'oitavos' da Liga dos Campeões assegurado.

Dois triunfos contra o Besiktas e a soberba vitória dos pupilos de Rúben Amorim contra o Borussia Dortmund selaram o passaporte para a próxima fase da prova milionária, a segunda na história verde e branca, e o consequente aumento da receita para os cofres de Alvalade.

Já lá vão 45 milhões de euros encaixados, a que se pode juntar um cheque de 2,8 milhões, em caso de triunfo do campeão nacional na capital neerlandesa.

As contas do grupo estão arrumadas e o super Ajax, que conta por triunfos os cinco encontros realizados, também já tem o primeiro posto selado. Porém, não deixará de querer findar esta fase da competição só com vitórias. 

De recordar que por três ocasiões Ajax e Sporting já se defrontaram e apenas numa situação o embate se realizou nos Países Baixos. Remontamos à longínqua época de 1988/89, com o clube lisboeta a impor-se por 1-2, na então ainda designada Taça UEFA.

Os comandados de Rúben Amorim certamente não esquecerão a humilhação de 15 de setembro. Muitas até podem falar em vingança, mas também agora o técnico leonino terá a oportunidade de igualar a época de 2008/09, em que Paulo Bento terminou a fase de grupos com 12 pontos, fruto de quatro vitórias. Igual registo está à mercê de um leão que, nessa temporada, tombou com estrondo na fatídica eliminatória contra o Bayern Munique. Um 12-1 que não se apaga da história, mas que Amorim está decidido a substituir por páginas mais cintilantes. 

A verdade é que em Amesterdão, o treinador do Sporting não sairá a campo com o fato de melhor gabarito, quiçá possamos de falar de um 'casaco de nova linha', em que a juventude verde e branca terá de provar que também nos grandes palcos se pode usar indumentária não tão pujante e com tanta rodagem, mas, simultaneamente, eficaz contra adversidades de 'primeira apanha'.

Cinco são as baixas de Amorim para a deslocação aos Países Baixos - Rúben Vinagre, Jovane Cabral, Feddal, Palhinha e Coates, sendo que na calha da redoma do descanso estão igualmente Matheus Nunes e Porro. Dessa forma, a estreia de João Virgínia e Gonçalo Esteves na Champions está na mira das possibilidades, sendo que a média de idades para o ‘onze’ do Sporting em Amesterdão deve reduzir drasticamente, à semelhança do termómetro. Se uma noite em Lisboa roça, neste momento, os nove graus centígrados, pela capital neerlandesa não ultrapassarão os dois graus.

Leia Também: Sporting com quatro baixas antes da partida para Amesterdão

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório