Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2020
Tempo
10º
MIN 9º MÁX 16º

Edição

Sporting - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

"Se tivesse saído do Sporting, ficaria sempre aquele vazio dentro de mim"

João Palhinha desvaloriza os rumores do verão e garante que só pensa em "fazer um bom trabalho no Sporting, evoluir como jogador, fazer o máximo de jogos possível pelo clube".

"Se tivesse saído do Sporting, ficaria sempre aquele vazio dentro de mim"
Notícias ao Minuto

07:09 - 21/11/20 por Notícias Ao Minuto 

Desporto João Palhinha

O jornal Record publica, este sábado, uma extensa entrevista com João Palhinha, na qual o internacional sub-20 português abordou a situação que viveu no passado mercado de transferências de verão, no qual esteve prestes a abandonar o Sporting.

O médio assume que existiram cenários de "que se falaram e que estiveram prestes a acontecer, mas depois acabaram por não acontecer", mas atirou: "Se as coisas naquele momento não aconteceram, então é porque há algo melhor para conquistar".

"Se tivesse saído do Sporting em 2018, dado que pouco joguei... Da mesma forma que se tivesse saído quando acabei a 2ª época no Sp. Braga, iria sempre ficar aquele vazio dentro de mim, por o Sporting ter sido um dos meus clubes de formação e ser o clube do meu coração", afirmou.

"Ir para o estrangeiro e não ter conquistado o meu espaço ou ter demonstrado o meu valor num dos clubes que me formou seria um pouco… Iria ficar um vazio dentro de mim", acrescentou o jogador.

João Palhinha não esconde que, dadas as suas "caraterísticas", alimenta o "sonho e objetivo" de, um dia, jogar no "campeonato inglês", mas sublinha que não vive "obcecado com isso", já que pensa apenas em singrar de leão ao peito.

"Quero é fazer um bom trabalho no Sporting, evoluir como jogador, fazer o máximo de jogos possível pelo clube. Quanto ao resto, é deixar as coisas acontecerem", apontou, antes de explicar o momento no qual treinou à parte do restante plantel.

"Quero aproveitar este momento para dizer que o míster Rúben Amorim ou a estrutura nunca me colocaram a treinar à parte com más condições, nada disso. A única justificação que se pode dar é essa. O míster sempre me disse que, caso não fosse vendido, era mais um jogador para ajudar a equipa", completou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório